Rádio WNews

terça-feira, 18 de agosto de 2009

A derrota da Musa




18 de agosto de 2009 | N° 16066AlertaVoltar para a edição de hojeELA É HUMANA
Isinbayeva fora do pódio
Russa fracassa em três saltos, e fica em último na final do Mundial de BerlimSurpresa e comoção se espalharam pelo Estádio Olímpico de Berlim na final do salto com vara feminino, ontem, no Mundial de Atletismo. Surpresa pelo desempenho de Yelena Isinbayeva – última entre as finalistas. Comoção pela reação da russa que, triste e decepcionada, pôs os olhos verdes a chorar durante as entrevistas.

Bicampeã mundial e dona do recorde na modalidade 5m5cm, marca que lhe garantiu o ouro há exatamente um ano, na Olimpíada de Pequim , Isinbayeva foi ambiciosa. Começou a competir com 4m75cm, altura que daria a primeira colocação à polonesa Anna Rogowska. Sem conseguir impulsão suficiente para o salto, tentou duas outras vezes superar 4m80cm. Na última delas, errou por detalhe.

Aparentemente, a russa estava com a confiança de sempre. Preferiu ficar deitada, com o rosto encoberto, a ver as colegas competirem. Na hora dos saltos, repetiu o ritual de conversar consigo mesma. A diferença foi depois dos saltos: a euforia deu lugar ao choro contido, ainda no colchão, e deflagrado debaixo de um boné, na zona mista de entrevistas.

– Sou um ser humano, tenho problemas pessoais, mas tenho que lidar com isso. Vou me lembrar desta derrota para o resto da minha vida – declarou, aos soluços.

A brasileira Fabiana Murer, cuja melhor marca da carreira foi 4m82cm, também decepcionou. Tentou três vezes superar o sarrafo de 4m65cm, marca das duas atletas empatadas em segundo lugar – Chelsea Johnson (EUA) e Monika Pyrek (Polônia). Com 4m55cm, Fabiana foi a quinta colocada.



MultimídiaAo tentar superar 4m80cm (25cm menos...... que o seu recorde), Yelena Isinbayeva toca o sarrafo...... e cai no choro após a prova lista
Fonte: Zero

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sim