Grêmio 1 x 0 Botafogo

Grêmio 1 x 0 Botafogo
Libertadores 2017

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Guarda Municipal Alerta Ciclistas em Vacaria RS

Guarda municipal adverte ciclistas


A guarda municipal deverá iniciar uma campanha de conscientização dos ciclistas para que não circulem em cima das calçadas e não andem na contramão nas ruas da cidade.

Léo Fiório chefe da guarda municipal, disse que são inúmeras as reclamações da comunidade em relação a esses dois problemas. Tem ocorrido atropelamentos de pedestres nas calçadas e colisão com veículos nas ruas.



Data: 14/05/2009 - 15:42
Fonte: Miro Santos/Rádio Esmeralda

News Racismo

Discussão esquenta reunião sobre cotas na Câmara
G1.com.br - Brazil
A atitude de Santana, que também é negro, foi classificada como sinal de discriminação pelos parlamentares. O "Jornal Nacional" exibiu ontem cenas da ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Grupo de movimento negro realiza aula pública para marcar Dia da ...
G1.com.br - Brazil
Integrantes da União de Núcleos de Educação Popular para Negros e Classe Trabalhadora (Uneafro) realizaram, nesta quarta-feira (13), em São Paulo, ...

Conselho do Negro avalia Conferência da Igualdade Racial como um ...
Pantanal News - Aquidauana,MS, Brazil
Representantes do Governo do Estado e de entidades não-governamentais que integram o Conselho Estadual dos Direitos do Negro, órgão ligado à Secretaria ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Banda Raça Negra mata saudade aos fãs de Luanda
AngolaPress - Angop,Luanda, Angola
Luanda – Com apenas duas horas de espectáculo, vividas com intensidade e romantismo, a banda brasileira Raça Negra voltou a encantar, nesta quinta-feira, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico




|||||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||
HEITOR (((((º_º))))) CARLOS
http://portodoscasa is.blogspot. com/
|||||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||
............ ......... ......... .
__._,_.___

Glória vence o Milan

Tamanho do texto: A- A+Glória faz 04 a 01 no Milan e é primeiro da chave


Ivanildo está confirmado para este domingo(foto:arquivo)
Cinco jogos foram realizados domingo no encerramento da penúltima rodada da primeira fase da Segunda Divisão. Guarany e 14 de Julho venceram em casa e seguem na briga pela classificação.

Chave 1
No Estádio Estrela Dalva, o Guarany venceu o Farroupilha por 2 a 0, e foi a 16 pontos, ficando mais próximo da classificação. Já o Farroupilha foi eliminado. Os gols foram de Alexandre, de pênalti, aos 48 minutos do primeiro tempo, e Alê Menezes, aos 28 minutos da etapa final. O Farroupilha ainda desperdiçou um pênalti com Élton Corrêa que foi defendido pelo goleiro Cássio.

O 14 de Julho goleou o Flamengo por 4 a 0, no estádio João Martins, em Livramento. Com a vitória, o Leão da Fronteira subiu para 14 pontos. O Flamengo permanece com 13. Marlon abriu o placar aos 13 minutos do primeiro tempo e Marcelo Xaxá ampliou aos 39. Na etapa final, aos 27, Cristiano Jamaica fez o terceiro. E Itaqui, aos 45, deu números finais ao jogo.

Chave 3
Em Júlio de Castilhos, o Glória não encontrou dificuldades para golear o Milan, por 4 a 1. Matão abriu o placar, aos 7 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, Marcelinho, logo aos 3 minutos, ampliou. Renato, aos 11, fez o gol do Milan. Roberto Jacaré, aos 31, e Ronaldo, aos 32, completaram a goleada, que deixou o Glória com o primeiro lugar assegurado na Chave.

No dia dos 151 anos de Santa Maria, o Riograndense venceu o Lajeadense por 3 a 1, no Estádio dos Eucaliptos. No primeiro tempo, Rangel marcou aos 30 minutos para o Riograndense. O Lajeadense empatou com Jean, aos 43. Na etapa final, o Periquito sacramentou a vitória com Marquinhos, aos 10, e Alfinete, aos 45 minutos.

E por fim, no Estádio da Zona Sul, Santo Ângelo e Três Passos empataram por 1 a 1, com gols de Vinícius, aos 38 minutos do segundo tempo para o Três Passos, e Vandré, aos 44, para o Santo Ângelo.

As informações são do site www.fgf.com.br


Rádio Fátima AM (Jornalismo), 15/05/2009, 18h09

Caminhada Pela Paz




Tamanho do texto: A- A+Dezenas de pessoas participam da caminhada pela paz

Cada participante que contribuiu com um quilo de alimento não perecível recebeu uma camiseta personalizada do evento com uma pomba branca e a frase uma caminhada de Todos – Paz e Justiça Foram arrecadados em torno de duzentos quilos de alimentos não perecível que serão entregues para as mães que fazem parte dos projetos Cegonha e Artesanto do Rotary Club.


A Primeira Caminhada pela Paz realizada neste domingo , dia 17/05 foi uma iniciativa do Rotary Club Vacaria dos Pinhais com apoio da Rádio Fátima e Mais Nova FM . A saída foi em frente a Rádio Fátima e término na Catedral Nossa Senhora da Oliveira aonde aconteceu uma missa de ação de graças celebrada pelo Pároco Monsenhor Germino Pagno . Cada participante que contribuiu com um quilo de alimento não perecível recebeu uma camiseta personalizada do evento com uma pomba branca e a frase uma caminhada de Todos – Paz e Justiça. Foram arrecadados em torno de duzentos quilos de alimentos não perecível que serão entregues para as mães que fazem parte dos projetos Cegonha e Artesanto do Rotary Club. São mães dos bairros Municipal, Cohab, Santa Cruz, Quilômetros Quatro e Cinco que todos os domingos pela manhã recebem orientações e confeccionam produtos na Escola Infantil Governador Sinval Guazzelli. A Presidente do Rotary Club Vacaria dos Pinhais Suzana Minuzzo diz que a caminhada teve por objetivo lançar uma semente em Vacaria para que todos os dias as pessoas tenham atitudes de paz na família, no ambiente de trabalho e na sociedade.


Rádio Fátima AM (Jornalismo), 18/05/2009, 08h02

Revista Veja

16 de maio de 2009
------------------------------------------------


Caro leitor,

a newsletter comentada não estará disponível até o fim de semana de 30 maio. Convido-os a acessar aqui (http://veja.abril.com.br/newsletter/newsletter.html) e ler a versão com o índice completo.


Assista ao vídeo com os comentários do editor executivo Carlos Graieb sobre as principais reportagens da seção de Artes & Espetáculos.

O editor executivo Carlos Graieb comenta reportagens de Artes & Espetáculos
http://veja.abril.com.br/videos/newsletter/newsletter-150509-470752.shtml


---------------------------------------------------

Destaques de VEJA.com

Educação
Envie perguntas para saber mais sobre as profissões
http://veja.abril.com.br/vestibular/guia-das-profissoes/administracao-adriano-magalhaes.shtml

Perguntas e Respostas
Como funciona o mercado de artes
Mudanças na caderneta de poupança
www.veja.com.br/perguntas

Vídeos
Sintomas e tratamentos de TPM
www.veja.com.br/videos

Conheça o País
África do Sul e México
www.veja.com.br/paises

Galeria de fotos
As imagens da semana
http://veja.abril.com.br/galeria-de-imagens/semana-11-15-maio/galeria.shtml

Cinema
Trailer do documentário Ninguém Sabe o Duro que Dei, sobre Simonal
http://veja.abril.com.br/200509/p_126.shtml#trailer



------------------------------------------------
http://www.veja.com.br


Acesse http://veja.abril.com.br/pst/newsletter para cancelar o envio deste e-mail
Nosso serviço de cadastramento solicitará seu e-mail e senha. Se não souber a senha, digite seu e-mail e clique no item "Esqueci minha senha". Uma senha provisória será enviada para sua caixa postal para possibilitar o acesso ao serviço.

Lanchonete Canibal

Poa, 16/05/09

Recebi e estou repassando.

Beijos.

Deise Nunes.

Viajando por uma região de canibais, o arqueólogo chega a uma lanchonete escondida no meio da selva.
O cardápio chama sua atenção.


Lanchonete Canibal


Só servimos carne importada

- Missionário inglês frito . . . . . . . . . . .US$ 30,00
- Turista americano a moda do chef . . US$ 25,00
- Freira italiana virgem ensopada . .. . US$ 35,00
- Político brasileiro ao forno . . . . . .. US$ 250,00
- Político brasileiro do PT ao forno . US$ 300,00

Não aceitamos cheques.

Intrigado com a disparidade de preços, ele pergunta ao dono da espelunca a razão dos pratos elaborados com políticos brasileiros serem tão caros.
O empresário então lhe explica:
- Bom, o cara lá do Brasil, que exporta para nós, garante que político brasileiro é muito difícil de ser caçado, principalmente do PT.
- Para piorar, meu cozinheiro disse que eles levam horas e horas cozinhando....
- E tem mais: o senhor, por acaso, já tentou limpar um deles?

Palestina

PALESTINA: 61 ANOS DE SEGUIDAS NAKBAS (TRAGÉDIAS)

Neste 15 de maio o mundo lembra, pela 61ª. vez consecutiva, como a Palestina foi riscada do mapa e seu povo massacrado por imigrantes judeus de diversas partes do planeta que para lá acorreram, sob o manto do colonialismo imperialista britânico, muitos deles fugitivos de perseguições sofridas na Europa e outras nações ocidentais.

Tudo aconteceu num período que se estende de 1946 a 1948, culminando com a declaração unilateral e ilegal de um estado judaico sobre terras e cadáveres de milhares de palestinos mortos e perto de 800 mil expulsos, mais da metade da população palestina da época, tornada refugiada e hoje contada em mais de 4 milhões, a maior população refugiada do mundo nos dias de hoje e a que mais tempo assim permaneceu em toda a história humana.

Esta catástrofe – este é o significado da palavra árabe Nakba – se deu poucos meses, a considerar o início de seu recrudescimento, em 1946, da descoberta pelo mundo incrédulo das múltiplas tragédias provocadas na Europa pela 2ª. Guerra Mundial, dentre as quais a assombrosa perseguição e matança dos europeus de fé judaica. Como se não bastasse, a humanidade presencia nova tragédia, desta vez contra os palestinos, perpetrada justamente pelas maiores vítimas da tragédia européia, os judeus, que promovem a maior e mais rápida limpeza étnica de que se tem notícia, marcada pela barbárie e crueldade premeditadas muitos anos antes.

Não há como entender a catástrofe do povo palestino sem entender o nascimento de seu algoz, que vem à luz por meio de uma agressividade genocida promovida por um conjunto de homens e mulheres que até hoje se julgam um povo especial, que atua por mandato divino.

Olhando para trás, remontando aos finais do século retrasado e início do passado, passando pelas décadas que antecederam o triênio da catástrofe palestina, de 46 a 48, e neste pontuando as quase mil povoações, aldeias e cidades palestinas varridas do mapa, destacando-se os massacres sem precedentes promovidos em Deir Yassin, Kibya, Lod, Ramleh, Samouh, Kafr Kasem, e chegando às últimas duas décadas e meia, manchadas pelos massacres de crianças, mulheres e velhos desarmados e indefesos em Sabra e Shatila, Jenin e Gaza, parece nada ter mudado nas mentes daqueles que se acreditam eleitos pelo divino.


Aos que viram tanques e toda maquinaria de guerra sitiando e matando em Gaza, há poucos meses, com soldados israelenses – homens e mulheres – de quipá e Tora, o livro sagrado dos judeus, rezando diante do banho de sangue, não pareceria tão distante a seguinte passagem bíblica velho-testamentária: "Quando tiverdes atravessado o Jordão entrando pela terra de Canaã, afastareis do vosso caminho todos os moradores do país e destruireis todos os seus ídolos de pedra, e todas as suas imagens fundidas e destruireis todos os lugares elevados: e expulsareis os moradores da terra e residireis nela porque eu vo-la dei para que seja a vossa propriedade (cap. 33, vers 50 a 53 ). Porque tu és povo santo para Jeová, o teu deus. Jeová, o teu deus te escolheu como povo especial, mais do que todos os povos que estão sobre a terra (cap. 7, vers 6). E destruíram a fio de espada tudo o que havia na cidade; homens e mulheres, moços e velhos, até os bois, as ovelhas e os burros." (cap. 8, vers 24 e 26 (...) Subiu logo Josué e todo Israel com ele de Eglon a Hebron e combateram esta (...)matou tudo o que tinha vida, como Jeová, deus de Israel, lhe tinha ordenado.(cap. 10, vers 34 e 40).


Israel nasce do escárnio sionista, aliado do imperialismo britânico. Do lado sionista a liderança e limpeza étnica eram promovidas pelos grupos terroristas Haganah, Irgun e Stern, cumprindo aos britânicos desarmar os palestinos, prende-los e tortura-los e impedir que se organizassem. Além de assassinar milhares de palestinos, as organizações terroristas sionistas perpetraram crimes contra as próprias autoridades mandatárias britânicas, culminando com o grotesco assassinato, promovido pela banda terrorista Stern, do secretário geral da ONU, conde Folke Bernadotte. E é da estrutura organizacional destes grupos terroristas que nasce o futuro estado judaico e seu exército. Todos os seus dirigentes e comandantes militaram nestes grupos terroristas e atuaram nos massacres de palestinos.


E como que dando seqüência ao mandato divido velho-testamentário, a escolha da dirigência israelense segue a trilha de sangue palestino. O comandante direto de grande parte dessa barbárie na Palestina neste período, inclusive do massacre sem precedentes de 254 moradores, quase todos mulheres e crianças, em Deir Yassin, Menahem Béguin, por exemplo, tornou-se primeiro ministro de Israel. E todos os que governaram o estado judaico desde então tomaram parte, direta ou indiretamente – quase todos diretamente – destes massacres e dos que vieram a seguir: Chaim Weizman, Ben Gurion, Moshe Sharett, Levi Eshkol, Yiagal Allon, Golda Meir (arrecadou fundos para as bandas terroristas e comparou os palestinos e árabes em geral a baratas), Yitzhak Rabin, Shimon Peres, Menahem Begin, Benjamin Netanyahu, Ariel Sharon (massacrou no Líbano, em 1982, tendo ganho notoriedade e cassado pelo mundo todo devido aos massacres de Sabra e Shatila) e Ehud Olmert. Rigorosamente todos cometeram crimes contra os palestinos e de lesa humanidade, todos foram acusados em cortes internacionais, inclusive na ONU, e sempre foram eleitos e reeleitos dirigentes de Israel.

Ou seja, Israel, de fascista após fascista eleito, crime após crime contra o povo palestino, superou o embrião das bandas terroristas que era e tornou-se o que é hoje: um estado pária, ilegal e delinqüente, em que a dirigência sanguinária e degenerada é sistematicamente eleita e reeleita à medida que se mostra mais ensandecida e mais capaz de matar e matar palestinos, roubar suas terras, destruir seus lares e produção.
Pode-se dizer que os último e penúltimo banhos de sangue promovidos em Gaza são a maioridade de Israel rumo ao fascismo, coroada com a recondução de Netanyahu ao poder por este advogar simplesmente varrer os palestinos do mapa, objetivo de que dá provas ao formar o gabinete mais abertamente fascista – não o mais fascista, mas o mais declaradamente fascista – da história do estado judaico.


Esta maioridade rumo ao estado mais fascista e racista da história humana vem sendo atingida sob os olhares cúmplices de grande parte do Ocidente. Cumplicidade é o mínimo que se pode dizer frente à ausência de reação não apenas quando dos contínuos massacres, mas também frente ao fato de os mesmos sempre serem anunciados com muita antecedência.

Os últimos acontecimentos havidos em Gaza, por exemplo, foram anunciados já em 2004, quando o professor israelense Arnon Soffrer, presidente do Instituto Nacional de Defesa das Forças Armadas de Israel e um dos principais conselheiros do à época primeiro ministro Ariel Sharon, ao falar acerca da retirada militar de Gaza, assim se manifestou ao Jerusalém Post: “... quando um milhão e meio de pessoas vivam encarceradas, isto vai ser uma catástrofe humana. Estas pessoas se converterão em animais, ainda mais do que o são hoje... A pressão na fronteira será espantosa. Vai ser uma guerra terrível. Assim, se quisermos seguir vivos, teremos que matar e matar. Todos os dias, cada dia... Se não matarmos, deixaremos de existir... A separação unilateral não garante a ‘paz’, garante um estado sionista com esmagadora maioria de judeus...”. A seguir veio o massacre de 2006 e o isolamento de toda a Faixa de Gaza, com impedimento do movimento de pessoas e do ingresso de alimentos, medicamentos e todos os demais itens mínimos à sobrevivência humana.


E logo em seguida, em fins de fevereiro e março de 2008, quando Israel atacou o norte de Gaza, o então vice-ministro da guerra Matan Vilnaii ameaçou os palestinos com uma “shoah (holocausto em hebraico) ainda maior”. E o que foi que aconteceu em finais do mesmo 2008 e início de 2009 em Gaza? Simples: a concretização do que a dirigência sanguinária e degenerada do estado judaico já havia anunciado aos palestinos e ao mundo.

Portanto, Israel, que já anunciou em mais de uma ocasião utilizar armas nucleares contra o Irã – é a primeira vez na história humana de um país ou dirigentes isolados assumem um holocausto nuclear –, que bombardeia populações indefesas na Palestina ocupada e no Líbano, que encarcera 11 mil palestinos – maior população carcerária do mundo em termos proporcionais, com centenas de mulheres e crianças maiores de 11 anos –, que tortura com amparo legal e da Suprema Corte do país, que constrói um muro de concreto de oito metros que corta cidades palestinas ao meio e anexa terras cultiváveis e fontes de água, que promove assassinatos seletivos de dirigentes palestinos, que não cumpriu nem uma única resolução da ONU até hoje, que mantém vínculos com todos os regimes sanguinários do planeta – foi a única nação a não romper relações com o regime racista da África do Sul, com o qual chegou a pesquisar uma “bomba étnica” que matasse apenas negros e árabes – e cujos dirigentes são cassados mundo afora por crimes cometidos contra a humanidade não é mais um perigo apenas para os palestinos e vizinhos, mas para o mundo inteiro.

Não por acaso, em recente sondagem promovida pela União Européia em diversos países europeus, 59% dos entrevistados apontaram Israel como a maior ameaça à paz e à segurança mundiais.

É isto também o que pensa o povo brasileiro, razão pela qual o Brasil deve também aderir à campanha mundial de boicote, desinvestimento e sanções, inclusive culturais, esportivas e acadêmicas contra Israel, bem como não receber, em nenhuma hipótese, o fascista e declaradamente racista Avigdor Liberman, atual chanceler israelense que promete visitar o País em poucas semanas.

E as comunidades palestinas em todo o mundo, especialmente a brasileira, precisam se mobilizar por todos os meios possíveis, neste dia 15 de maio, com vistas a denunciar o estado criminoso e de apartheid de Israel, seus crimes contra nosso povo e contra a humanidade, bem como desde já organizar a mobilização com vistas a evitar a visita do assassino Avigdor Liberman ao Brasil.


O fim do genocídio israelense contra nosso povo depende de nossa mobilização mundo afora, constante e consciente, sem o que desapareceremos como nação e como povo, pois este é o objetivo da dirigência judaica de Israel, pronta a perpetrar a prometida Shoah contra nosso povo, com o que coroariam a Nakba que iniciaram há mais de seis décadas.



FEDERAÇÃO ÁRABE PALESTINA DO BRASIL - FEPAL




--------------------------------------------------------------------------------


A Rede para Difusão da Cultura Árabe-Brasileira Samba do Ventre tem como missão incentivar e promover pesquisas da agregação de valor da cultura árabe à cultura brasileira, e proporcionar a integração com diversas comunidades na busca "Pela Paz no Oriente Médio e pela valorização da auto-estima do povo árabe e seus descendentes através da música, da dança oriental e todas as manifestações sócio-culturais que derivaram deste caldeirão étnico chamado BRASIL."

Para retirar seu e-mail desta lista responder em branco com assunto REMOVER


-----Anexo incorporado-----


_______________________________________________
Cartaoberro mailing list
Cartaoberro@serverlinux.revistaoberro.com.br
http://serverlinux.revistaoberro.com.br/mailman/listinfo/cartaoberro

Duas Prisões

Policiais civis do Denarc efetuam duas prisões por tráfico na zona norte da Capital
16/05/2009 16:01


Numa investigação sobre tráfico de drogas na zona norte da Capital, neste sábado (16), por volta das 11 horas, agentes da 1ª Delegacia de Investigações do Narcotráfico (1ªDIN), do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (DENARC), prenderam dois homens por tráfico de drogas. Um deles, de 53 anos de idade, já tinha antecedentes por tráfico e outro, de 39 anos, possuía antecedentes por posse de droga.

Eles foram flagrados na residência do primeiro, situada no Beco 2, esquina com beco 5, Vila Dona Teodora, bairro Farrapos, zona norte de Porto Alegre. De acordo com o delegado Márcio Zachello, titular da 1ªDIN, no momento em que os policiais tentavam ingressar no imóvel, um dos investigados jogou parte da droga pela janela, mas ela foi localizada logo após. Havia outras quatro pessoas na residência, sendo que duas delas admitiram ter consumido crack, vendido pelos indiciados. Elas foram ouvidas e liberadas.

No local foram apreendidas 62 pedras de crack, embaladas e prontas para venda; uma pedra de crack ainda não repartida, pesando 9,7 gramas, o que poderia originar cerca de 90 pedras de crack para consumo; dezenas de plásticos utilizados para embalar drogas; três cachimbos e pequena quantidade de dinheiro em moedas.
Os dois investigados foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e, logo após, recolhidos ao Presídio Central.

Fonte: Ascom PC

Frase SEm

Poa, 16/05/09

Infelizmente é isso que acontece....

Beijos.

Deise Nunes.

“Trabalhe duro, AMIGO! Milhões de pessoas que vivem do Fome-Zero e do Bolsa-Família, sem trabalhar, dependem de você.”

Contatos SSP

Contatos das Assessorias de Comunicação da SSP
16/05/2009 22:08


Para facilitar e tornar mais ágil o trabalho dos profissionais de imprensa que buscam informações da Secretaria da Segurança Pública do Rio Grande do Sul (SSP/RS) e seus organismos vinculados (Polícia Civil, Brigada Militar, Instituto-Geral de Perícias e Superintendência dos Serviços Penitenciários), principalmente aos finais de semana e feriados, informamos os telefones celulares funcionais das respectivas assessorias, assim como fones convencionais e e-mails para outras demandas durante a semana.

Solicitamos aos profissionais da mídia para que busquem sempre com as assessorias a intermediação das demandas junto às fontes de cada instituição. Ressaltamos também que ao pé da página inicial do site da SSP ( www.ssp.rs.gov.br ), no banner Cadastre-se, pode ser efetuado o registro para recebimento do mailing diário de notícias da Secretaria.

SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA ( www.ssp.rs.gov.br )
Coordenador de Comunicação: Jornalista Amilton Belmonte
Fone: (51) 3288-1919/3288-1994 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celular funcional: (51) 8445-8670 *
e-mail: comunicacao@ssp.rs.gov.br

* Aparelho programado para receber apenas chamadas identificadas

POLÍCIA CIVIL ( www.pc.rs.gov.br )
Coordenador de Comunicação: Delegada Patrícia Tolotti Rodrigues
Fones: (51) 3288-2380/3288-2381 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celulares funcionais: (51) 8445-9454 e 8445-9748
e-mail: imprensa@policiacivil.rs.gov.br

BRIGADA MILITAR ( www.brigadamilitar.rs.gov.br )
Coordenador de Comunicação: Tenente-Coronel Valmor Araújo de Mello
Fones: (51) 3288-2930/3288-2932 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celulares funcionais: (51) 8501-6577 e (51) 8501-6575
e-mail: pm5-imprensa@brigadamilitar.rs.gov.br

SUPERINTENDÊNCIA DOS SERVIÇOS PENITENCIÁRIOS ( www.susepe.rs.gov.br )
Assessor de Imprensa: Jornalista Marco Antonio Vieira
Fone: (51) 3288-7285/3288-7289 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celular funcional: (51) 8443-6887
e-mail: imprensa@susepe.rs.gov.br

INSTITUTO-GERAL DE PERÍCIAS ( www.igp.rs.gov.br )
Assessor de Imprensa: Jornalista Maria da Graça Kreisner
Fone: (51) 3288-5165 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celular funcional: (51) 8445-8627
e-mail: comunicacao@igp.rs.gov.br