Inter 3 x 0 Figueirense

Inter 3 x 0 Figueirense
Brasileiro B 2017

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Foto Avenida Presidente Kennedy e Borges de Medeiros



Fotos: Dos buracos na Av. Presidente Kennedy e Av. Borges de Medeiros de Vacaria RS

Fotos Buracos na Rua Presidente Kennedy em Vacaria RS


Fotos do Vocalista Alexandre Massau do Cidade Negra



Fotos: Paulo Furtado, Alexandre Massau e Gabriel Waldrigues

Foto vocalista do Cidade Negra



Foto Paulo Furtado entrevistando vocalista Alexandre Massau

Foto com Novo Vocalista do Cidade Negra




Foto com Volocalista do Cidade Negra Alexandre Massau

Serviços Estaduais

Serviços estaduais mantêm regime de plantão no feriado
09/10/2009 13:50


Os órgãos estaduais funcionarão em regime de plantão no feriado de Nossa Senhora Aparecida, na segunda-feira (12).

Confira as informações:

Segurança Pública

Telefones de Emergência
190 - Brigada Militar
193 - Corpo de Bombeiros
197 - Polícia Civil
198 - Comando Rodoviário da Brigada Militar
181 - Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança
0800 518 518 - Denarc, para denúncias envolvendo tráfico de drogas. Atendimento 24 horas.

Banrisul - A rede de agências estará fechada nesta segunda-feira (12), mantendo o funcionamento 24 horas dos caixas de auto-atendimento e na internet ( www.banrisul.com.br ).

CEEE - Central de Teleatendimento 24 horas à disposição dos clientes, na área de abrangência da empresa, pelo telefone 0800 721 2333.

Corsan - Funcionamento em regime de plantão. Em caso de emergência, deve ser acionada a Unidade de Saneamento de cada município.

Daer - Atividades de fiscalização nas estradas. O telefone do Daer na Estação Rodoviária de Porto Alegre é (51) 3210-0101

Fepam - O Serviço de Emergência Ambiental funciona 24 horas, inclusive aos finais de semana. O atendimento é feito pelo telefone (51) 9982-7840.

Saúde
Salvar Samu - Telefone 192 - Plantão 24 horas
Centro de Informações Toxicológicas (CIT) - telefone 0800 721 3000 - Plantão 24 horas
Endereço: Rua Domingos Crescêncio, 132, 8º andar- Porto Alegre/RS
Orientações sobre Gripe A, Febre Amarela e Dengue - Telefone 150 - Atendimento 24 horas (com plantonista no telefone celular)
Disque Aids - telefone 0800 541 0197 - funciona sexta-feira, dia 9/10 até as 17 h e reabre terça-feira, dia 13/10 às 8h.
Farmácia de Medicamentos Especiais- funciona sexta-feira, dia 9/10 até as 17 h e reabre terça-feira, dia 13/10 às 7h.


Fonte: Site do Estado

Mudanças Climáticas

Mudanças climáticas na vitivinicultura e na cultura da macieira


Nos próximos dias 20 e 21 de outubro, os impactos das mudanças climáticas sobre problemas fitossanitários na vitivinicultura e na cultura da macieira estarão sendo debatidos em Bento Gonçalves e Vacaria, respectivamente. Os eventos integram o Projeto 'Impactos das mudanças climáticas globais sobre problemas fitossanitários' (CLIMAPEST), financiado pela Embrapa, que iniciou em janeiro de 2009 e terá a duração de 4 anos.

Na tarde do dia 20, ocorre o ' Seminário Impactos das Mudanças Climáticas sobre Problemas Fitossanitários de Vitivinicultura', no Auditório da Embrapa Uva e Vinho (Rua Livramento, 515), em Bento Gonçalves (RS). A programação começa com uma mesa redonda onde serão apresentadas as 'Expectativas do Setor em relação às mudanças climáticas', por representantes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (Olir Schiavenin), do Ibravin (Carlos Paviani) e da Uvibra (Daniel Basile).Na sequência, serão apresentadas palestras sobre 'Mudanças Climáticas - Impacto sobre doenças de plantas no Brasil (Raquel Ghini - Embrapa Meio Ambiente), 'Distribuição Geográfica e Temporal: Elaboração de Mapas' (Emília Hamada - Embrapa Meio Ambiente), 'Impacto das mudanças climáticas sobre as doenças da videira' (Lucas da R. Garrido - Embrapa Uva e Vinho) e 'Efeito das mudanças climáticas na herbivoria de insetos' (Régis Sivori dos Santos Silva - Embrapa Uva e Vinho). O evento é promovido pela Embrapa (Meio Ambiente e Uva e Vinho) e conta com o apoio do Ibravin, Uvibra e IFRS - Campus BG.

O 'Seminário Impactos das Mudanças Climáticas sobre Problemas Fitossanitários da Macieira' acontece na tarde do dia 21 de outubro, no Auditório da UCS (Avenida Dom Frei Cândido Maria Bampi, 2800), em Vacaria (RS). A programação abordará os mesmos temas do evento anterior, mas com destaque para a cultura da macieira. O evento começa com uma mesa redonda onde serão apresentadas as 'Expectativas do Setor em relação às mudanças climáticas' e segue com as seguintes palestras: 'Mudanças Climáticas - Impacto sobre doenças de plantas no Brasil' (Raquel Ghini – Embrapa Meio Ambiente),'Distribuição Geográfica e Temporal: Elaboração de Mapas' (Emília Hamada -Embrapa Meio Ambiente), 'Impacto das mudanças climáticas sobre as doenças da macieira' (Rosa Maria V. Sanhueza - ProTerra) e 'Efeito das mudanças climáticas na herbivoria de insetos' (Régis Sivori dos Santos Silva - Embrapa Uva e Vinho). O evento dedicado à macieira é promovido pela Embrapa (Meio Ambiente e Uva e Vinho) e conta com o apoio da UCS, ProTerra Engenharia Agronômica e ASAV (Associação dos Engenheiros Agrônomos de Vacaria).

O projeto CLIMAPEST está trabalhando com 16 culturas de importância econômica e também social, como soja, forragicultura, uva, maçã, pêssego, laranja, café, milho, mamona, mandioca, manga, banana, dendê, algodão, pinus e eucalipto. Segundo a pesquisadora da Embrapa Meio Ambiente e coordenadora do Projeto Raquel Ghini, esta rodada inicial de seminários tem como principal objetivo divulgar as ações de pesquisa realizadas pela equipe coordenada pela Embrapa para técnicos e produtores, compartilhando preocupações e resultados. Outro objetivo é ampliar a interação com o setor produtivo durante a realização das pesquisas. “A pesquisa quer caminhar junto com o produtor e não apenas entregar os resultados finais. A Embrapa está preocupada e está se preparando para oferecer alternativas para quando os problemas acontecerem de fato”, comenta Raquel.

As inscrições para os Seminários são gratuitas e podem ser feitas pelos telefones (54)3231-8300 (macieira) e (54)3455-8123 (vitivinicultura). A programação completa e outras informações podem ser conferidas na página de eventos da Embrapa Uva e Vinho (http:// www.cnpuv.embrapa.br/eventos.



--
Viviane Zanella
Jornalista - MTb 14004
Assessoria de Comunicação
Embrapa Uva e Vinho
Rua Livramento 515
95700-000 Bento Gonçalves, RS
Fone: 54-3455-8084
@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@
Atenção: Antes de imprimir, pense no seu compromisso com a natureza.

Esta mensagem da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa),
empresa pública federal regida pelo disposto na Lei Federal nº 5.851, de
7 de dezembro de 1972, é enviada exclusivamente a seu destinatário e
pode conter informações confidenciais, protegidas por sigilo
profissional. Sua utilização desautorizada é ilegal e sujeita o infrator
às penas da lei. Se você a recebeu indevidamente, queira, por gentileza,
reenviá-la ao emitente, esclarecendo o equívoco.

This message from Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa)
a government company established under Brazilian law (5.851/72) is
directed exclusively to its addresse and may contain confidential data,
protected under professional secrecy rules. Its unauthorized use is
illegal and may subject the transgressor to the law's penalties. If
you're not the addresse, please send it back, elucidating the failure.

Contatos das Assessorias de Comunicação

Contatos das Assessorias de Comunicação Social da SSP
09/10/2009 14:03


Para facilitar e tornar mais ágil o trabalho dos profissionais de imprensa que buscam informações da Secretaria da Segurança Pública do Rio Grande do Sul (SSP/RS) e seus organismos vinculados (Polícia Civil, Brigada Militar, Instituto-Geral de Perícias e Superintendência dos Serviços Penitenciários), principalmente aos finais de semana e feriados, informamos os telefones celulares funcionais das respectivas assessorias, bem como telefones convencionais e e-mails para outras demandas durante a semana.

Solicitamos aos profissionais da mídia para que busquem sempre com as assessorias a intermediação de demandas junto às fontes de cada instituição. Ressaltamos também que ao pé da página inicial do site da SSP ( www.ssp.rs.gov.br ), no banner Cadastre-se, pode ser efetuado o registro para recebimento do mailing diário de notícias da Secretaria.

SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA ( www.ssp.rs.gov.br )
Coordenador de Comunicação: Jornalista Amilton Belmonte.
Fone: (51) 3288-1919/3288-1994 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celular funcional: (51) 8445-8670 *
e-mail: comunicacao@ssp.rs.gov.br

* Aparelho programado para receber apenas chamadas identificadas

POLÍCIA CIVIL ( www.pc.rs.gov.br )
Coordenador de Comunicação: Delegada Patrícia Tolotti Rodrigues
Fones: (51) 3288-2380/3288-2381 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celulares funcionais: (51) 8445-9454 e 8445-9748
e-mail: imprensa@policiacivil.rs.gov.br

BRIGADA MILITAR ( www.brigadamilitar.rs.gov.br )
Coordenador de Comunicação: Tenente-Coronel Valmor Araújo de Mello
Fones: (51) 3288-2930/3288-2932 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celulares funcionais: (51) 8501-6577 e (51) 8501-6575
e-mail: pm5-imprensa@brigadamilitar.rs.gov.br

SUPERINTENDÊNCIA DOS SERVIÇOS PENITENCIÁRIOS ( www.susepe.rs.gov.br )
Assessor de Imprensa: Jornalista Marco Antonio Vieira
Fone: (51) 3288-7285/3288-7289 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celular funcional: (51) 8443-6887
e-mail: imprensa@susepe.rs.gov.br

INSTITUTO-GERAL DE PERÍCIAS ( www.igp.rs.gov.br )
Assessor de Imprensa: Jornalista Maria da Graça Kreisner
Fone: (51) 3288-5165 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celular funcional: (51) 8445-8627
e-mail: comunicacao@igp.rs.gov.br






Susepe assina contrato de locação para abrigar albergue em Novo Hamburgo
09/10/2009 13:51


Foi assinado nesta sexta-feira (09/10), no gabinete da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), o contrato de locação de imóvel para abrigar um albergue na cidade de Novo Hamburgo, que abrirá 150 novas vagas nos regimes semiaberto e aberto. O imóvel, situado na Rua Guararapes, nº 153, possui 497,99m2. Assinaram o documento, o diretor do Departamento de Segurança e Execuções Penais da Susepe, Jorge Henrique Rodrigues, e o proprietário do imóvel, Alceu Maia.

Segundo Afonso Auler, superintendente substituto da Susepe (que não está na foto), “o esforço e a presteza dos funcionários do Departamento Administrativo da instituição (DA), este contrato foi assinado em tempo recorde”. Participaram ainda do ato, pela Susepe, a diretora substituta do DA, Marisa Mena Barreto; o diretor do Departamento de Planejamento, Valdecir Massia; o delegado Penitenciário da 1ª Região, Valdir Correa do Amaral; o chefe da Divisão de Engenharia, Paulo Renato Ribeiro; a servidora do DA, Heloísa Menna Barreto; e a assessora do proprietário do imóvel, Cristiane Xavier.

Fonte: Ascom/ Susepe




Polícia Civil prende traficantes em Novo Hamburgo
09/10/2009 14:02


Agentes da 3ª Delegacia de Polícia (DP) de Novo Hamburgo prenderam, nesta sexta-feira (09/10), cinco suspeitos de tráfico de drogas naquela cidade. Cumprindo mandado de busca e apreensão, os policiais estouraram um ponto de tráfico de drogas e prenderam os responsáveis pelo local.

A quadrilha estava com 50 gramas de cocaína, uma pedra de crack pesando 45 gramas, um revólver, calibre 38, celulares, uma motocicleta (GS 500) e R$ 280. Entre os presos havia um menor de idade que foi encaminhado ao Ministério Público. Segundo o delegado Sílvio Kist Huppes, titular da DP, os agentes investigavam o local há 30 dias.

Fonte: Ascom/ PC

Fiscalização em Rodovias

Estado intensifica fiscalização em rodovias no feriado
09/10/2009 14:06


Entre as 12h desta sexta-feira (09) e até as 12h de terça-feira (13), a Brigada Militar realiza a Operação Centauro de Nossa Senhora Aparecida, que irá reforçar o policiamento nas rodovias estaduais - especialmente nas que levam à Serra e ao Litoral - e nas áreas urbanas para coibir furtos, roubos e outros crimes.

Nas rodovias gaúchas, a ação será executada pelo Comando Rodoviário da Brigada Militar com o apoio dos Comandos Regionais e do Grupamento Aéreo, intensificando ações na Serra, no Litoral e na Região Metropolitana, com o objetivo de prevenir acidentes de trânsito durante todo o feriado.

Será dada atenção especial às rodovias de acesso ao Litoral Norte - RS-030, na RS-040, RS-118 e RS-389 (Estrada do Mar), além da RS-453 e da RS-486 (Rota do Sol). Haverá ênfase na coibição do consumo de álcool com a utilização de bafômetros, bem como no combate ao excesso de velocidade através de radares móveis.

Nas cidades será intensificado o policiamento ostensivo e ações de patrulha, barreiras e abordagens em áreas de grande concentração de público, de comércio e áreas residenciais, especialmente em cidades da Serra e do Litoral, que deverão concentrar os deslocamentos. Haverá reforço nas estações rodoviárias e no aeroporto e nas cidades turísticas e praias.

O lançamento da operação será realizado às 17h de hoje, na sede da 2ª Companhia do 3º Batalhão Rodoviário da Brigada Militar, em Viamão, na RS 40, Km 8.

Fonte: Site do Estado

Entrega em Viamão das 29 Obras

Estado entrega em Viamão primeira das 29 obras emergenciais em andamento no sistema prisional
09/10/2009 16:24


O governo do Estado entregou na manhã desta sexta-feira (09), em Viamão, 80 novas vagas para os apenados do Instituto Penal de Viamão (IPV), unidade de regime aberto e semiaberto. Iniciadas em fevereiro deste ano, as obras abrangem um módulo de 706 m² e foram orçadas em R$ 222.106,76, recursos oriundos exclusivamente do Tesouro do Estado. A iniciativa integra as ações do projeto de Ampliação de Vagas Prisionais, do Programa Estruturante Cidadão Seguro ( www.estruturantes.rs.gov.br ).

Na inauguração do novo espaço, o secretário estadual da Segurança Pública, Edson Goularte, reafirmou o pleno empenho do governo do Estado em atacar de frente o que é considerado um dos maiores problemas do País. “O sistema prisional gaúcho não é diferente do resto do Brasil, mas com a energia concentrada dos servidores da Susepe e da Segurança, mais o apoio incondicional da governadora Yeda Crusius e da sociedade, estamos conseguindo romper a inércia em que se encontrava nosso sistema”, frisou Goularte. Acompanhado do secretário-adjunto das Obras Públicas, Lori Giombelli, o titular da SSP ressaltou também que até o final deste ano outras obras emergenciais em estabelecimentos prisionais, avaliadas em mais de R$ 27 milhões, estarão sendo entregues, graças a um esforço integrado entre diferentes setores do governo.

O superintendente dos Serviços Penitenciários, Mario Santa Maria Junior, saudou a dedicação dos funcionários do IPV e da Susepe como ponto de fundamental apoio para que a instituição alcance resultados positivos em sua missão. Enfatizou que com os investimentos no sistema prisional, compromisso assumido pela governadora, não apenas as novas vagas estavam sendo entregues, mas um espaço que permitirá a elaboração de um trabalho referencial na ressocialização dos detentos. Santa Maria observou, ainda, da diferença entre evasão e fuga, ressaltando que os detentos dos regimes aberto e semiaberto, diferentemente dos de regime fechado, cumprem processo de reaproximação com a sociedade, processo esse regrado pela própria de Lei de Execuções Penais (LEP) e de amplo conhecimento dos operadores de Direito.

Ao final da solenidade, o novo pavilhão do IPV recebeu a bênção do Padre Paulo Dalla Rosa, da Pastoral Carcerária. Atualmente o Instituto abriga 389 detentos.

Módulo na Penitenciária de Montenegro é próxima obra a ser entregue

Em prosseguimento à entrega das obras emergenciais no sistema prisional gaúcho, nesta terça-feira (13), o secretário Edson Goularte e o superintendente dos Serviços Penitenciários, Mario Santa Maria Junior, estarão em Montenegro. No município do Vale do Caí, em ato marcado para às 11h, eles entregam 76 novas vagas na Penitenciária Modulada de Montenegro, unidade prisional de regime fechado e localizada na BR 386 - KM 426, Estrada do Pesqueiro.

Orçada em R$ 307.923,90 - recursos oriundos do Tesouro do Estado, a obra teve início em 18 de junho deste ano e abrange um módulo de 610 m², adaptado para receber apenadas. A iniciativa também integra as ações do projeto de Ampliação de Vagas Prisionais, do Programa Estruturante Cidadão Seguro ( www.estruturantes.rs.gov.br ) .

Visita da Venezuela


Parabéns! Você só teve a sua primeira visita de Venezuela.




Visite Venezuela na Wikipedia



Modificar a minha alertas

As 100 Maiores Músicas

As 100 maiores músicas brasileiras
2 horas, 17 minutos atrás



Por Redação Yahoo! Brasil


PUBLICIDADE


A discussão sobre o que é a música brasileira é longa e nunca chega a um consenso. Eleger os melhores cantores / compositores e canções também não é uma tarefa fácil. O que conta é o sucesso que se faz ou a qualidade da composição?


Qual é a melhor música brasileira? Por quê?


Sem entrar no mérito de melhores e piores, a edição especial de terceiro aniversário da revista RollingStone Brasil - que chega às bancas de São Paulo neste sábado e a partir do dia 15 de novembro em outros Estados - elaborou uma lista das "100 Maiores Músicas Brasileiras". Nas palavras da própria publicação, a lista é "um justo tributo a seus criadores e também a seus intérpretes". Confira abaixo as dez primeiras canções (clique no nome da música para entender o contexto na qual ela foi escrita).


1 - "Construção" - Chico Buarque





2 - "Águas de Março" - Elis Regina & Tom Jobim


3 - "Carinhoso" - Pixinguinha


4 - "Asa Branca" - Luiz Gonzaga


5 - "Mas Que Nada" - Jorge Ben


6 - "Chega de Saudade" - João Gilberto


7 - "Panis et Circencis" - Os Mutantes


8 - "Detalhes" - Roberto Carlos


9 - "Canto de Ossanha" - Baden Powell/ Vinicius de Moraes


10 - "Alegria, Alegria" - Caetano Veloso



Fonte: Yahoo

Beatles


Em 1962, Leslie Woodhead fez as imagens que o deixariam conhecido: os Beatles tocando no Cavern Club, em Liverpool, o registro mais antigo do grupo em movimento. É o único registro em vídeo dessa fase da banda. Depois disso, ele foi para a URSS e começou a fazer documentários.

Quase 50 anos mais tarde, Woodhead uniu essas partes tão distintas da vida dele em How the Beatles Rocked the Kremlin, um filme sobre como a banda britânica ajudou a derrubar o comunismo russo (ou pelo menos, como dizem no documentário, "foram a chave da porta" dessa queda).

O vídeo, exibido pela BBC 4 este ano, tem vários pontos interessantes. Sabia que os russos pirateavam discos de rock fazendo gravações em chapas de raio X usadas? Eu não sabia, mas é verdade.

Acima mais uma curiosidade incrível: um clipe de propaganda comunista que discursa contra os Beatles, chamando as fãs de histéricas e tirando barato do empresário Brian Epstein. Não funcionou. A beatlemania invadiu a URSS com mais força que um batalhão militar.
Fonte: With Lasers

Banda Lingerie de Vacaria RS faz vários Shows


Foto: Orkut da Banda
A Banda Lingerie de Vacaria RS fará shows em São Leopoldo no dia 10/10/2009, dia 15 no Colégio Irmão de Getúlio, dia 31 no Parque das Auracarias em Vacaria RS. No dia 12 de Dezembro lançamento do CD da Banda. Veja os telefones para contato no lado esquerdo deste blog.

Táxi da Vez


Projeto Taxi da Vez terá Audiência PúblicaO Projeto Taxi da Vez vem sendo intensamente discutido nas Sessões Ordinárias da Câmara de Vereadores, sempre contando com a presença de taxistas favoráveis e contrários ao projeto.

Desta forma a maneira considera justa para discutir em conjunto com a comunidade não da classe , mas geral é através de uma Audiência Pública. Esta será realizada no próximo dia 15/10 a partir das 19:00 horas junto ao Plenário Casemior Ângelo Arpini.

Aimportância do Principe

O princípio da subsidiariedade



--------------------------------------------------------------------------------


Gerhard Erich Boehme

gerhard@boehme.com.br







Desconhecido da maioria dos brasileiros e ignorado por aqueles que desejam transferir responsabilidades, em especial ao Estado, por aqueles que o julgam com capacidade para solucionar a maioria dos problemas que afligem os brasileiros.



O princípio de subsidiariedade é um princípio fundamental da filosofia social, segundo o qual toda a atividade deve ter por objetivo ajudar a favorecer a autonomia e realização responsável dos indivíduos. E isso nos faz lembrar do conflito entre gerações, muito bem lembrado por Raul Seixas, em sua canção “Sapato 36”.



Eu particularmente divido os jovens, que se sucedem ao longo do tempo, nas novas gerações, e confesso, esta não é uma boa prática, a de dividir, pois nos limita a uma dicotomia. Mas ao menos vale como exemplo. Temos os jovens formando dois grupos, nem sempre distintos, um busca a autonomia, deseja realizar, formado por jovens que aspiram ser empreendedores, valorizam a criatividade, a inovação, o talento e fundamentalmente o estudo e o trabalho, reconhecem como fundamental o mérito.



São jovens que não querem ser dependentes, principalmente de outros, até mesmo de uma entidade virtual que é o Estado, a qual tem somente a capacidade de promover, e o faz de forma ineficaz e ineficiente, a transferência de responsabilidades.



São jovens que reconhecem que não é legítimo e muito menos lícito fazer uso do que foi conquistado por outros, outros que não seus pais, avós, etc.. São confiantes em si






"Quando a propriedade legal de uma pessoa é tomada por um indivíduo, chamamos de roubo. Quando é feito pelo governo, utilizamos eufemismos: transferência ou redistribuição de renda." (Dr. Walter E. Williams é professor de economia na Universidade George Mason em Fairfax, Va, EUA.)





São jovens que sabem e reconhecem suas responsabilidades. São jovens que sabem desenvolver o seu potencial, assim como são inconformados com suas limitações, buscam superá-las.

Em outro grupo encontramos jovens que se revoltam com a injustiça que é o nosso mundo, com a qual nenhuma pessoa munida de uma consciência crítica pode concordar ou aceitar.

Mas o grande problema neste segundo grupo, quando se afasta do primeiro grupo, não assumindo responsabilidades, é o de se julgar possuidor da razão e endossar ideologias que pregam como solução dos problemas uma maior presença do Estado.



São jovens que buscam transferir responsabilidades. Na sua maioria apóiam e se encantam com as chamadas ideologias de esquerda, buscam ressuscitá-las admirando Marx, Che e Fidel, são jovens que envelheceram antes de aceitarem os desafios de sua geração, são jovens que se encantam com ideologias que possuem um espectro que vai do comunismo, passa pelo internacional e nacional-socialismo (nazismo ou fascismo), e alcançam àqueles que se denominam social-democratas, numa alusão a serem assim democratas.

Muitas vezes também apoiam outras ideologias ou propostas que de uma maneira ou outra, pautadas por cientistas sociais ou até mesmo teólogos, pregam maior presença do Estado na solução dos problemas.

Não reconhecem sua insignificância, mas agem neste sentido. Buscam a contramão ou nos impõe a lombada, pois entre a causa e o efeito, acreditam que devem atuar no efeito. São jovens que sem conhecer, por conta de uma doutrinação, já aprenderam a ofender pessoas como Roberto Campos. São jovens que se limitam, buscam alternativas para transferir responsabilidades, sempre com propostas afastadas do Princípio da Subsidiariedade.





Sempre com propostas afastadas do princípio da subsidiariedade.



A questão é que quando entendemos e respeitamos este princípio, passamos a entender que antes de tudo é fundamental não aceitar a injustiça, como quando alguém ou um grupo de pessoas tem por objetivo subtrair do indivíduo o que ele pode realizar a partir de sua própria iniciativa e capacidade, para o confiar a uma outra pessoa ou a um grupo. Começa na família quando os pais impedem que seus filhos tenham a autonomia com responsabilidade, ou criam situações para limitar o seu desenvolvimento e sua independência.



Assim também é injusto conferir a autoridade e responsabilidade para a municipalidade, quando uma comunidade ou freguesia pode realizar e decidir por si.



O mesmo vale quando passamos para uma província o que poderia ser realizado e decidido com autonomia pelos burgos ou pela municipalidade. Ou quando transferimos o poder a um reino ou país quando seus desígnios são próprios das províncias ou estados.



É uma injustiça, um grave dano e perturbação da boa ordem social.



O fim natural da sociedade e da sua ação é subsidiar os seus membros, não destruí-los nem absorvê-los através de políticas demagógicas e paternalistas ou atribuindo ao Estado deveres e direitos que cabem ao indivíduo e à sociedade de forma livre empreender. E muito menos subjugá-los como o fazem os regimes submetidos às ideologias de esquerda, direita e os totalitários. E muito menos dar ao cidadão total liberdade como pregam os anarquistas, que não se submetem ao poder da lei, do Estado de Direito, aos princípios democráticos e até mesmo a responsabilidade social.



A ordem social será tanto mais sólida, quanto mais tiver em conta este fato e não contrapuser o interesse pessoal ao da sociedade no seu todo, mas procurar modos para a sua coordenação, de forma que seja eficaz e produtiva.

Se observarmos atentamente a história da humanidade, sempre onde o interesse individual é violentamente suprimido, acaba substituído por um pesado sistema de controle burocrático, que esteriliza as fontes da iniciativa e criatividade. Assim foi com as monarquias absolutistas, assim foi com os países que se submeteram ao socialismo, seja ele o internacional ou o nacional-socialismo, ao comunismo, ou mesmo a regimes totalitários, muitas vezes denominados erroneamente de direita.



Se olharmos estes dois grupos, os quais possuem sobreposições, vemos como fundamental primeiro acreditar em si, desenvolver o seu potencial. É a forma inteligente de mudar o mundo, começando ao que está ao nosso alcance e não transferindo poder a políticos ou líderes demagogos, paternalistas, populistas ou clientelistas, este caracterizados pelo seu capitalismo de comparsas ou socialismo de privilegiados. Estes preocupados em formar uma base para a oclocracia e não para a democracia, que inclui a alternância do poder. Já o disse o Dr. Martin Luther, no início da Reforma, e o mesmo foi dito por Karol Józef Wojtyła - Johannes Paulus II, que foi por nós conhecido como Papa João Paulo II. Luther mencionou que o exemplo do cristão deve começar por ele mesmo, colocando os assuntos terrenos em primeiro plano sob sua responsabilidade, depois da família e viver em comunidade. Lançou o desafio que hoje é próprio dos luteranos: Cada cristão deve viver sua comunidade, em cada comunidade edificar uma igreja e ao lado desta uma escola.



Já Wojtyła nos alertou, quando empenhado em por fim aos regimes opressores, que a exemplo do que ocorreu em seu país, com seu povo, que passou pelo jugo e divisão imposta pelos nacional-socialistas, perdeu partes de seu território e ganhou outras no final da Segunda Grande Guerra, passando depois da destruição imposta pelos nacional-socialistas, por mais de cinquenta anos sob o jugo dos internacional-socialistas. Wojtyła soube viver seu tempo, deixou seu legado como Papa, mas de minha parte, como luterano, reconhece nele seus valores, soube aproximar as igrejas, e soube ser um grande líder espiritual e moral que trabalhou incansavelmente pela paz e pela justiça social, viajando mundo afora em prol da unidade da igreja e do compromisso da fé.



Como professor, foi docente de Ética na Universidade Jaguelónica e posteriormente na Universidade Católica de Lublin. E merece ser destacada a sua passagem por esta cidade, pelo seu significado na história, Desde a segunda a metade do século XVI, movimentos da Reforma surgiram em Lublin, e uma grande congregação de irmãos poloneses esteve presente na cidade. Uma das mais importantes comunidades judaicas da Polônia também se estabeleceu em Lublin neste período. Ela continuou sendo uma parte vital da vida da cidade até quando deixou de existir durante o Holocausto promovido pelos nacional-socialistas (nazistas).



Ele nos deixou o alerta, sobre o qual devemos refletir, principalmente quando lhes trago a reflexão à importância da observação do princípio da subsidiariedade: “Quando os homens julgam possuir o segredo de uma organização social perfeita que torne o mal impossível, consideram também poder usar todos os meios, inclusive a violência e a mentira, para a realizar”. Infelizmente isso nos remete para América Latina da atualidade, agora submetida aos ditames de um Foro San Pablo, com seu bolivarianismo ou chavismo, que alia narco-traficantes a líderes carismáticos e populistas, que em nada se afasta do existiu de pior entre os latino-americanos, que foi, e de certa maneira ainda o é: o castrismo. Hoje disseminam a violência e adotaram a mentira como praxis diária. Seja ele PAC ou piriPAC, Pan ou ... Pré-.



Olhando esta triste realidade, fica a certeza de que o primeiro grupo de jovens, não importando a sua verdadeira idade, são os que efetivamente apresentam a melhor proposta, mas isso não os devem afastar daqueles que não concordam com a injustiça que nos salta aos olhos no nosso dia a dia. Nos agride em nosso coração.

O que não podemos fazer é tentarmos impor a nossa felicidade aos outros, antes devemos entender e observar o princípio da subsidiariedade e sermos exemplo, entendendo a importância da nossa responsabilidade individual e cobrarmos dos outros também a responsabilidade.





E para concluir deixo a pergunta:



Quer isto dizer que a questão toca a todos... sim, a nós também.



Se estamos próximos de uma realidade e se temos meios ou sugestões para melhorar essa realidade porque não arregaçar mangas? Devemos esperar, por exemplo, que sejam as instituições oficiais, transferindo responsabilidades, a solucionar todos os problemas da freguesia ou comunidade onde vivemos?









Gerhard Erich Boehme

gerhard@boehme.com.br

(41) 8877-6354

Skype: gerhardboehme

Caixa Postal 15019

80811-970 Curitiba - PR

Contrato com a Corsan

Prefeito volta a discutir contrato com a Corsan
O prefeito Elói Poltronieri(PT) reúne-se nesta quinta-feira com o presidente da Corsan Mário Freitas

O prefeito de Vacaria reúne-se nesta quinta-feira,08/10, com o presidente da Corsan, em Porto Alegre, com o objetivo de retomar as tratativas para a assinatura de um novo contrato com a estatal.
Elói Poltronieri(PT) deverá debater questões específicas e que ainda não tiveram definições por parte da direção da Corsan. O prefeito cita, como exemplo, a proposta de criação de um fundo de gestão compartilhada que da forma como está concebida não tem a aprovação do Executivo. A determinação de prazos para a implantação do sistema de esgotamento sanitário e os valores a serem investidos no municípios também estão na pauta do encontro com o Presidente da Corsan Mário Freitas.
Alguns outros itens do novo contrato já foram acertados entre os técnicos da Prefeitura e da Corsan em encontros anteriores.


Rádio Fátima AM (Jornalismo), 08/10/2009, 09h07

Portal Vermelho



DESTAQUES DA EDIÇÃO DE
HOJE DO PORTAL VERMELHO




Doc Bergson Gurjão: de fera do basquete a herói do Araguaia

Bancos abusam: saiba o que você ganha com a greve dos bancários




Greve dos Bancários continua

Amorim, o maior chanceler do mundoElogios
Para revista americana, Brasil tem "o melhor chanceler do mundo"
"Difícil achar outro ministro das relações exteriores que tenha orquestrado com tanta eficácia uma transformação de tal magnitude do papel internacional de seu país." Foi dessa forma que o articulista David Rothkopf, da prestigiada The New ForeignPolicy, se referiu ao ministro Celso Amorim



Honduras 1
Micheletti só aceita deixar o poder se Zelaya 'ficar de fora' Eleições 2010
Após encontro com Temer, Renato Rabelo defende PMDB na aliança
Nota de esclarecimento
TCU não condenou nenhum gestor do Ministério do Esporte Questão agrária
Governistas reagem contra nova tentativa de instalar CPI do MST



Especial
CONFERÊNCIA NACIONAL DE COMUNICAÇÃO


“Nunca antes neste país”: o empréstimo brasileiro ao FMI

O Outro Lado da Notícia
Jornal O povo faz especial sobre a Guerrilha do Araguaia
Luciano Siqueira
Bancários e bancos no Brasil


Lejeune Mirhan
Um Irã nuclear?


Paulo Vinícius
Gracias, Mercedes, "que nos ha dado tanto"


José Carlos Ruy
Gracias a Mercedes Sosa


Sidnei Liberal
Ombudsman vê prática panfletária na Folha de S Paulo



Esta é uma mensagem automática, favor não responder

Destaques do Vermelho é um serviço diário gratuito do www.vermelho.org.br

Instituto Penal

Estado entrega 80 novas vagas no Instituto Penal de Viamão
09/10/2009 07:42


O governo do Estado entrega nesta sexta-feira (09), em solenidade marcada para às 11h, 80 novas vagas no Instituto Penal de Viamão (IPV), unidade prisional de regime semiaberto e aberto, localizada na Avenida Senador Salgado Filho, 2.265.

Iniciadas em fevereiro deste ano, as obras, realizadas em um espaço de 706 m², estão orçadas em R$ 222.106,76, com recursos oriundos do Tesouro do Estado. Prestigiam o evento o secretário da Segurança, Edson Goularte, o superintendente dos Serviços Penitenciários, Mario Santa Maria Junior, além de representantes de outras secretarias de Estado, Judiciário e da área da segurança.

Das 29 obras consideradas emergenciais para o sistema prisional, e em curso pelo governo do Estado, esta é a primeira a ser entregue. A iniciativa integra as ações do projeto de Ampliação de Vagas Prisionais, do Programa Estruturante Cidadão Seguro ( www.estruturantes.rs.gov.br ) .

Ajude Proteger os Animais


Poa, 09/10/09

Bom dia,


Em nome daqueles que não tem voz para defender-se, eu peço, de coração, que participes dessa justa campanha.
Desejo que tenhas um excelente feriado.

Beijos.

Deise Nunes.

P.S.: Reencaminhar aos conhecidos.








Caso não consiga visualizar este email, por favor, clique aqui.





WSPA - Sociedade Mundial de Proteção Animal Outubro 2009

















Segundo a Lei de Crimes Ambientais, é crime praticar ato de violência contra qualquer animal. Porém, tramita no Congresso Nacional um Projeto de Lei (PL 4.548/98) que visa acabar com essa proteção para os animais domésticos.

A intenção do Projeto de Lei é alterar o art. 32 da Lei de Crimes Ambientais, retirando a expressão "domésticos e domesticados" e, assim, descriminalizar atos de abuso e maus-tratos contra esses animais.
Essa alteração significaria um enorme retrocesso na história da proteção animal no Brasil, ao tornar ainda mais branda a legislação animal vigente, favorecendo a impunidade.
Os inúmeros casos de maus-tratos que se repetem diariamente no país deixariam de ser crime. O combate às condenáveis rinhas de cães e galos, por exemplo, seria dificultado ao extremo.

Você faria algo bem simples para ajudar a proteger os animais domésticos no Brasil?



O momento é delicado, sendo de fundamental importância que todos aqueles que se importam com os animais se manifestem. Lembre-se que a opinião popular é essencial para a aprovação ou rejeição de leis.

A WSPA Brasil elaborou uma carta online a ser enviada aos deputados federais, pedindo que NÃO APROVEM o Projeto de Lei 4.548/98, que modifica o art.32.



































Envie para um Amigo

A Sociedade Mundial de Proteção Animal - WSPA é a maior federação mundial de bem-estar animal, com mais de 1000 ONGs afiliadas em 156 países. Só no Brasil são mais de 100 entidades em 23 estados e no Distrito Federal.
A WSPA trabalha por um mundo onde o bem-estar animal importe e os maus-tratos contra os animais tenham fim.
Para mais informações sobre a WSPA, acesse www.wspabrasil. org.
















Adicione por favor o email wspabrasil@wspaupda tes.org à sua lista de contatos para impedir que as mensagens da WSPA sejam identificadas como spam. Clique aqui para mais informações.

Bastardo


Bastardos Inglórios dá novo olhar para a 2ª Guerra
Qui, 08 Out, 09h07



Por Carla Navarrete, do Yahoo! Brasil


PUBLICIDADE

Em tudo o que dirige, Quentin Tarantino sempre homenageia o passado cinematográfico. Conhecedor a fundo de vários gêneros, é capaz de revisitar os filmes de gângsteres, como em "Cães de Aluguel", ou as produções de "Blaxploitation", vide "Jackie Brown", até o cinema asiático de artes marciais, explorado em "Kill Bill". Há quem torça o nariz para um cineasta que vive de referências, mas é inegável que o americano conquistou o seu próprio lugar na história da sétima arte.



Veja a galeria de fotos


Em "Bastardos Inglórios", que estreia nesta sexta-feira nos cinemas, Tarantino se uniu a ninguém menos que Brad Pitt - que aqui volta a assumir sua faceta de anti-galã - para narrar uma história fictícia passada durante a 2ª Guerra Mundial. A produção passa longe da seriedade que o tema propõe, mas dá um novo - e revigorante - sentido aos filmes bélicos.





A ideia para o longa surgiu de um filme do italiano Enzo Castellari, de 1978, chamado em inglês de "The Inglorious Bastards" (no Brasil, "Assalto ao Trem Blindado"). Só que ao invés de usar o mesmo título, Tarantino propositalmente escreveu errado o nome do seu, transformando-o em "Inglourious Basterds". A trama também é bastante parecida, apesar de não se tratar de um remake propriamente dito.


A referência foi recompensada: Castellari gostou tanto da homenagem que fez uma ponta no longa. O público também aprovou a empreitada e transformou a produção em uma das mais rentáveis da carreira do diretor de "Pulp Fiction".


O filme


A sequência inicial da fita é digna de entrar no hall das melhores da obra de Tarantino. Em meio à ocupação nazista na França, o coronel Hans Landa (o austríaco Christoph Waltz, que rouba a cena do longa) chega à casa de um fazendeiro atrás de famílias judias escondidas na região. Ao constatar que o camponês realmente esconde pessoas em sua propriedade, o alemão promove uma matança da qual só se salva a jovem Shosanna.


Em meio a isso, Brad Pitt surge como o tenente Aldo Raine, líder dos "Bastardos", um grupo do Exército americano formado apenas por soldados judeus. Sua missão é atacar os nazistas da maneira mais cruel o possível, para ensinar ao inimigo "um pouco de humanidade". Logo, os rumores sobre o esquadrão se espalham e chegam a incomodar o próprio Hitler.


Três anos depois, Shosanna é dona de um cinema em Paris, que acaba sendo escolhido pelos nazistas para a première de uma importante produção da UFA (principal estúdio da Alemanha durante a 2ª Guerra), intitulada "O Orgulho da Nação". A jovem vê na exibição a oportunidade de se vingar dos responsáveis pela morte de sua família. E os "Bastardos" têm a mesma ideia.


Apesar de Pitt ser a estrela do filme, é no elenco internacional que Tarantino encontrou as melhores atuações. Além de Christoph Waltz como o coronel Landa, a francesa Mélanie Laurent é o outro grande destaque do filme como a judia Shosanna.


O longa ainda conta com a bela Diane Kruger, no papel da atriz alemã Bridget Von Hammersmark, que age como espiã para os britânicos e ajuda os "Bastardos", além de Daniel Brühl (de "Adeus, Lênin!") no papel de um soldado nazista. Mike "Austin Powers" Myers e Julie Dreyfus (a Sofie Fatale de "Kill Bill") também fazem participações especiais.


Como é comum na obra do diretor, a trilha sonora é outro destaque. A música "Cat People (Putting Out Fire)", lançada por David Bowie em 1982, embala uma das melhores passagens do longa. Quem é fã de cinema não vai se decepcionar.

Confira a opinião da crítica da revista Veja Isabela Boscov: