Rádio WNews

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Qualidade da Água

Qualidade da água é foco de reclamações

Moradores têm procurado Rádio Fátima para alertar sobre problemas relacionados à cor e gosto do produto

O Departamento de Jornalismo da Rádio Fátima tem recebido inúmeras reclamações sobre a qualidade da água em Vacaria. Os relatos dão conta de cheiro forte e alterações na cor do produto.
De acordo com o gerente da Corsan, Alberto Paganella, a alta temperatura dos últimos dias propiciou condições para o proliferamento de algas, o que causou as alterações na água. Segundo ele, a companhia já está trabalhando para restabelecer a qualidade e em até 48 horas, o produto já estará nas condições normais. Mesmo assim, a Corsan garante que a água é própria para o consumo e que não há qualquer recomendação que impeça a utilização para qualquer fim.

Tags: água qualidade Corsan
Rádio Fátima AM (Jornalismo), 11/02/2010, 09h32

Polícia Cidadã


Lançado Projeto Polícia Cidadã

Órgão pretende fazer com que a comunidade se conscientize de sua importância em prol de própria segurança.


BM apresenta projeto à lidaranças da comunidade A Brigada Militar realizou nessa terça-feira, 09/10, a apresentação do Projeto Polícia Cidadã, para 34 líderes da comunidade de Vacaria. O objetivo é executar as atividades de polícia comunitária na área de ação das unidades da PM, conscientizando e envolvendo a comunidade, qualificando os servidores que prestam os serviços na área de segurança pública e melhorando a qualidade de vida da comunidade.
Com isso, o órgão pretende fazer com que a comunidade se conscientize de sua importância em prol de sua própria segurança, através da participação dos moradores, seja com críticas ou soluções que possam auxiliar no trabalho de prevenção.
A presidente da União das Associações de Moradores de Vacaria (Uamva), Iolanda Silveira informa que a entidade pretende auxiliar o novo projeto. Lideranças dos bairros estarão reunidos nesta quinta-feira, 11/02, entre os assuntos debatidos estão as sugestões sobre como melhorar a segurança da cidade.


Tags: Brigada Militar Polícia Cidadã projeto comunidade
Rádio Fátima AM (Jornalismo), 11/02/2010, 09h11

Carnaval



Beyoncé diz que deve ter sido carioca em outra vida
Qui, 11 Fev, 11h43



RIO - "Eu devo ter sido carioca numa vida anterior", disse Beyoncé, ao falar do seu encantamento pelo Rio de Janeiro. Em entrevista ao colunista Bruno Astuto, do jornal "O Dia", publicada nesta quinta-feira, a cantora revelou que não tinha a menor ideia de que possuía tantos fãs no Brasil, tendo ficado muito impressionada com a paixão dos brasileiros: "Honestamente, eu não disse por dizer. Os brasileiros foram de longe a melhor plateia que eu tive em toda minha vida. Eu nunca tive esse tipo de amor. Eu agora me sinto um membro da família, uma pessoa que tem que voltar todo ano. Inacreditável o nível de amor e resposta que eu tive das pessoas aqui. Vou vir sempre, para os shows e até para as férias. Esse é o melhor lugar do mundo".

PUBLICIDADE

A dona do hit "Single ladies" também falou sobre a escolha do Rio para a gravação do clipe da música "Put it in a love song" com Alicia Keys: "Pensamos: 'Onde vamos fazer o vídeo?' E veio o Rio imediatamente. Tem a ver com a beleza da cidade, a alegria das pessoas, a energia incrível desse lugar. E também porque estávamos às vésperas do carnaval e o fato de nunca termos vindo para cá. Daí olhamos uma para outra e dissemos: 'Vamos fazer no Brasil'", disse ao jornal.


Beyoncé só lamentou não poder conhecer o carnaval brasileiro, já que segue com sua turnê "I am..." para a Argentina: "Só é uma pena eu não poder ficar para o Carnaval, queria ter ficado mais, mas vou voltar. As roupas (fantasias) são lindas, é um trabalho maravilhoso o da escola de samba (Grande Rio)".


Na tarde de quarta-feira, antes de seguir para Salvador, onde realizaria o último show de sua turnê no Brasil, a cantora visitou o Cristo Redentor ao lado da mãe.





À noite, já em Salvador, Beyoncé subiu ao palco do Parque de Exposições da cidade às 23h20m. A despedida da cantora dos palcos brasileiros levou 45 mil pessoas ao local. De acordo com o jornal baiano "A Tarde", o roteiro do show foi igual ao apresentado nas outras cidades do país.


Ao encerrar o show, Beyoncé falou ao público baiano, em inglês: "Salvador, eu sou de vocês. Mal posso esperar para voltar logo! Divirtam-se no carnaval".

Fonte: Yahoo

News Negro

Alunos de Medicina acusados de agredir homem negro voltam às aulas ...
O Globo
... de agredir o auxiliar de serviços gerais Geraldo Garcia, de 55 anos, com um tapete de borracha e ofendê-lo por ele ser negro, em 12 de dezembro. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

20 anos após libertação de Mandela, África do Sul ainda luta
O Globo
Uma forte classe média negra emergiu, toda uma geração que nasceu depois de 1994 cresceu em uma sociedade multirracial, e serviços básicos, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico


Dossiê da Pele Negra
Terra Brasil
A pele negra, por mais resistente que possa parecer, também pode sofrer se não for adequadamente tratada. Fique ligada nesse dossiê que o Vila Batom ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Cid Teixeira: "O certo seria o Dia da Consciência Mulata"
Terra Brasil
Minha bisavó, escrava, foi ferrada a fogo porque era negra. E daí entraram brancos pelo meio, coisas variadas aconteceram, duas famílias, três famílias com ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Justiça dá liminar a estudantes acusados de racismo
Estadão
RIBEIRÃO PRETO - A Justiça de Ribeirão Preto concedeu liminar, na sexta-feira, para que os três estudantes, acusados de racismo contra um trabalhador, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Futebolinterior
Em nota oficial, Rio Claro promete processar torcedores racistas
Futebolinterior
No último sábado, na derrota para o Oeste, por 1 a 0, torcedores teriam xingado o ex-atleta com palavras de cunho racista. Os torcedores do Galo Azul ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Estudantes expulsos
Gazeta de Ribeirão
O trio também teria dito palavras de conotação racista. Os três acusados foram presos em flagrante, mas soltos 12 horas depois após o juiz Ricardo Braga ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
França desiste de legislar sobre estatísticas étnicas
Jornal de Notícias
Os defensores da estatística argumentam que seria útil para corrigir a sociedade; os críticos viam na medida uma solução puramente racista. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
História política de Lúcio Lara lançada em fotobiografia Lusa
AngoNotícias
Só uma pergunta; como é que ele "LL" que sempre foi racista vai lançar a sua fotobiografia na terra dos BRANCOS? O Agostinho Neto não fez nenhuma guerra ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Proibido de trabalharAmeaç ado por exigir direitosMãe solteira num ...
Diário de Notícias - Lisboa
Avisou o patrão, mas este disse-lhe para se adaptar à cultura em Portugal e, além de nunca ter feito nada para acabar com este tratamento racista, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Exemplo de jornalismo manco
AdNews
Permanece o tom discriminatório contra os direitos destas populações sem uma razão que não o espírito racista que quer apagar a história do povo brasileiro ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Um frenesi chamado Avatar
Estadão
Avatar é racista? Os defensores de minorias afirmam que sim, já que o salvador da pátria da história é um gringo branco. Esquecem-se de que o protagonista ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
São expulsos de universidade por racismo
Destak Jornal
Os três alunos de medicina de Ribeirão Preto acusados de praticar ato racista em dezembro foram expulsos da faculdade em que estudavam, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Governo francês anuncia medidas para reforçar identidade nacional
Jornal do Comércio
As medidas emergem após três meses de um ruidoso e até mesmo racista debate sobre o que significa ser francês. O primeiro-ministro Fillon também disse que ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

A identidade negra
Diário de Cuiabá
O lugar do negro no país ainda precisa ser valorizado. Reconhecer os traços culturais e identitários destas nações inteiras que foram seqüestradas para ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
Editora do The Guardian acusa Vanity Fair de racismo
Diário de Notícias - Lisboa
Para Hannah Pool, esta capa da Vanity Fair pode levar a duas conclusões: ou a revista considera que "não há no planeta nenhuma actriz negra em ascenção ...
Veja todos os artigos sobre este tópico


|||||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||
HEITOR (((((º_º))))) CARLOS
http://portodoscasa is.blogspot. com/
|||||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||
............ ......... ......... .

Comissão de Saúde


Fotos: Antonio Grzybovski



Comissão de Saúde e Meio Ambiente lança campanha em defesa da vida




Em defesa da vida, a Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, presidida pelo deputado Gilmar Sossella (PDT), realizou nesta quarta-feira (10) a primeira reunião ordinária de 2010. A presença de dez deputados garantiu a aprovação de dois pedidos de audiência pública, sendo que um deles, apresentado pelo deputado Nelson Marchezan Júnior (PSDB), requer o debate sobre o projeto 219\2009 de autoria do deputado Gilmar Sossella que dispõe sobre a criação e funcionamento dos Conselhos Regionais de Saúde.



EM DEFESA DA VIDA

O presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente, deputado Gilmar Sossella apresentou o plano de ação da comissão para 2010. Sob o slogam “Em defesa da vida”, a comissão vai ampliar as ações e executar campanhas voltadas à promoção da saúde e a preservação de todas as formas de vida.



TRÂNSITO SEGURO, SEM ÁLCOOL

Campanha de conscientização de condutores, em conjunto com a imprensa e Detran. Visa sensibilizar a população, especialmente os motoristas para: Se beber não dirija - trânsito seguro é uma ação importante em defesa da vida.



DOAÇÃO DE ÓRGÃOS E TECIDOS HUMANOS
Objetiva sensibilizar a população da importância da doação de órgãos e tecidos em defesa da vida, bem como articular a rede pública no sentido de dar maior agilidade a coleta, translado e aproveitamento dos órgãos e tecidos doados.



DOAÇÃO DE SANGUE
Através de ações efetivas em conjunto com a imprensa e bancos de sangue, confeccionar cartazes e outras peças publicitárias, com o objetivo de sensibilizar a população para a importância da doação de sangue.



SUS EM DEFESA DA VIDA
Com o apoio dos órgãos governamentais, Conselho Estadual de Saúde, Conselhos Regionais de Saúde e ONG’s organizar seminário para debater a situação do Sistema Único de Saúde no Estado a ser realizado em 07 de abril, dia mundial da saúde.



FITOTERÁPICOS EM DEFESA DA VIDA
Visa a realização de seminário, no final do mês de maio, para debater a política da fitoterapia no Estado. O objetivo do evento é debater, fomentar a pesquisa e divulgar os benefícios das plantas medicinais.



REGULAMENTAÇÃO DA EC 29
A Comissão de Saúde e Meio Ambiente, através de seus membros, buscará junto ao Congresso Nacional a efetiva regulamentação da EC 29 para que se estabeleçam quais as ações e serviços de saúde são de responsabilidade de cada ente federado e, especialmente, definir as fontes de financiamento das mesmas.



RESERVA LEGAL
Os membros da Comissão de Saúde e Meio Ambiente buscarão junto ao Ministério do Meio Ambiente, a efetiva edição de medidas apresentadas pelo Ministro Carlos Minc, referendadas nas diversas audiências públicas realizadas em 2009, e que são de suma importância para o desenvolvimento sustentável do Estado.



DESCENTRALIZAÇÃO DAS AÇÕES
Continuar a descentralização das ações da Comissão de Saúde e Meio Ambiente, através de visitas, reuniões, participação em eventos e Audiências Públicas a fim de estreitar as relações com as regiões e buscar atender as demandas coletivas específicas pertinentes ao exercício legislativo.



CAMPANHA CONTRA O CRACK

Continuar o debate, mobilizando a sociedade com apoio da imprensa para alertar e sensibilizar as famílias gaúchas quanto a grave disseminação dessa droga.



CAMPANHA GRIPE A H1N1
Promover ações conjuntas com a imprensa e órgãos governamentais, para esclarecer a população gaúcha quanto aos cuidados que devem ser tomados para evitar essa doença, que poderá atingir novamente o nosso Estado.

Sossella se Reune com TCE



Sossella e membros do Comitê de Controle Social se reúnem com presidente do TCE



Reunião tratou sobre relatório que aponta irregularidades nas praças de pedágio




O deputado Gilmar Sossella e lideranças que integram o Comitê de Controle Social estiveram reunidos com o presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro João Osório Martins. O encontro realizado no início da tarde desta quarta-feira (10) objetivou a solicitação de cópia do relatório produzido pelo órgão fiscalizador, que apontou diversas irregularidades na fiscalização e execução dos contratos de pedágio.



Sossella cumprimentou o presidente João Osório pelo excelente trabalho produzido pelo Tribunal de Contas do Estado. Ex-presidente da CPI dos Pólos de Pedágio, Sossella destaca que parte do relatório referenda pontos investigados e denunciados pela comissão que atuou em 2007.



“O trabalho do Tribunal de Contas acusa deficiência na fiscalização dos contratos por parte do Daer e da Agers, falta de investimentos por parte das concessionárias e diverge dos valores do alegado desequilíbrio econômico e financeiro. Esse relatório confirma a importância da nossa luta em busca da justiça tarifária nas praças de pedágio e pela extinção do atual modelo de concessão rodoviária!”, afirma Sossella.



O conselheiro João Osório afirmou que o relatório do TCE, iniciado ainda em 2008, é um trabalho identificado com a filosofia do Tribunal, que sob sua gestão, vai atuar voltado à sociedade. O conselheiro presidente anunciou que vai encaminhar cópias do relatório ao Parlamento gaúcho e convidou os deputados pessoas da sociedade organizada para que acompanhem a votação do relatório pelo Pleno do Tribunal em data a ser marcada.



Ao final da reunião, Sossella manifestou satisfação por encontrar apoio do TCE na questão dos pedágios do Rio Grande do Sul :



“Entendemos que o Tribunal de Contas do Estado tem competência e credibilidade para recomendar a extinção do atual modelo de pedágio que penaliza os usuários e prejudica o desenvolvimento do Rio Grande do Sul ”, destaca o deputado do PDT.



A audiência contou com a presença das seguintes lideranças: Deputados Gilmar Sossella (PDT) e Marisa Formolo (PT) e representante do deputado Francis co Appio (PP). José Carlos Silvano – presidente do Setcergs Paulo Afonso Schneider – presidente Assurcon Edson Mello da Rosa – representante da OAB.



Fotos: Antonio Grzybovski

Operação Corsário

Operação Corsário das polícias civil e militar do RS resulta em mais de 15 toneladas de produtos piratas apreendidos
10/02/2010 17:21


Policiais civis e militares realizaram nessa terça-feira (09), a Operação Corsário, nas cidades de Torres, Capão da Canoa e Tramandaí, no litoral norte do RS. As ações tiveram por objetivos o combate à pirataria e falsificação de produtos e a repressão da prática de crimes contra a ordem econômica, tributária, as relações de consumo e a propriedade industrial. A ação contou com um efetivo de mais de 200 policiais civis e 60 policiais militares do Batalhão de Operações Especiais (BOE-BM) e 20 agentes dos outros órgãos envolvidos. De acordo com a delegada Patrícia Sanchotene Pacheco, titular da Delegacia de Polícia de Proteção aos Direitos do Consumidor, Saúde Pública e da Propriedade Intelectual, Imaterial, Industrial e Afins (DECON), ao todo, foram aprendidas mais de 15 toneladas, resultando em dezenas de milhares de produtos apreendidos, entre camisetas, tênis, bolsas, bonés e óculos, de diversas marcas, falsificados.

Segundo a delegada Patrícia, a operação também teve como mote a identificação de possíveis laços de facções gaúchas com a chamada “máfia chinesa” arraigada fortemente em São Paulo. De acordo com ela, o nome da ação faz referência a um tipo de pirata que agia em nome de algum rei, que tinha como objetivo roubar, saquear e a pilhar, vindo a dividir os lucros com esse monarca.

A delegada esclarece que, na cidade de Torres, os mandados de busca resultaram em:

- indivíduos que responderão a Termos Circunstanciados (TC) - 20;
- estrangeiros identificados (chineses) – 04;
- volumes de objetos falsificados apreendidos – 100;
- unidades de tênis apreendidos na casa de um chinês – 16.400;
- R$ 16.400,00 em dinheiro, além de computadores, notebook’s e celulares.

No município de Capão da Canoa os mandados de busca resultaram em:
- indivíduos que responderão a TC – 25;
- estrangeiros identificados (chineses) – 22;
- volumes de objetos falsificados – 498.

Ainda em Capão da Canoa foi descoberto, pelos policiais, um depósito com milhares de produtos piratas, sendo apreendida meia tonelada de peças de vestuário e tênis falsificados.

Em Tramandaí os mandados de busca resultaram em:
- indivíduos que responderão a TC – 21;
- estrangeiros identificados (chineses com filhos brasileiros) –- 05;
- volumes de objetos falsificados apreendidos - 108.

De acordo com a delegada Patrícia Pacheco, a Operação Corsário, além da Polícia Civil e Brigada Militar, também contou com o apoio de outros órgãos, tais como, Ministério Público Estadual, Polícia Federal e Secretaria Municipal da Indústria e Comércio de Tramandaí, que integraram a força-tarefa, criada no âmbito do Comitê Interinstitucional de Combate à Pirataria.

Fonte: Ascom PC - Operação Verão Legal RS

Ilê Aiyê da Bahia


Ilê Aiyê une Pernambuco e Bahia na Semana Pré do Recife
Principal grupo afro da Bahia se apresentará pelas ruas do Recife Antigo, a partir das 19h30; entrada é gratuita
Da Redação do pe360graus.com

010203AmpliarFoto: Reprodução / Site oficial
010203
Nesta quarta-feira (10), o principal grupo afro da Bahia, o Ilê Aiyê, se apresentará pelas ruas do Recife Antigo, a partir das 19h30. Este ano, o bloco adotou a cultura de Pernambuco como tema do seu Carnaval na Bahia. A entrada é gratuita.

De acordo com a coordenação do evento, o cortejo passará pelas ruas da Moeda, Mariz e Barros, do Apolo e Travessa Bom Jesus. A apoteose será no palco da praça do Arsenal, onde os baianos cantarão seis músicas sobre o Estado, além de canções consagradas como “Que Bloco é Esse”, “Depois que o Ilê Passar”, “Charme da Liberdade”, “Viva o Rei”, “Décima Quinta Sinfonia” e “Exclusão”.

O Ilê Aiyê trará ao Recife um grupo de 30 pessoas, entre dançarinos, cantores e percussionistas. Durante o espetáculo, o grupo apresentará, ainda, a nova Deusa do Ébano, Gisele da Silva Santos, de 22 anos. A musa foi escolhida durante a Noite da Beleza Negra, uma das principais prévias do Carnaval de Salvador. Ela desbancou 50 concorrentes e representa o bloco este ano.

História
O Ilê Aiyê surgiu em 1974, no Curuzu-Liberdade, bairro de maior população negra do País, localizado em Salvador. Com o objetivo de preservar, valorizar e expandir a cultura afro-brasileira, o grupo homenageia as nações e culturas africanas para valorizar e fortalecer a identidade étnica do negro brasileiro. O bloco possuiu aproximadamente três mil associados e desenvolve diversos projetos educacionais. Clique aqui e confira a página do Ilê Aiyê.

Tags:bahia, desfile, pernambuco, recife antigoAvalie este conteúdo:01
02
03
04
05
Outras notícias

Joan Baez e Bob Dylan são Homenageados por Obama

Obama homenageia Bob Dylan e Joan Baez, ícones musicais dos direitos civis
(AFP) – Há 1 dia

WASHINGTON — O presidente Barack Obama homenageou os artistas americanos responsáveis pela "trilha sonora" da luta pelos direitos civis na década de 1960, em especial Bob Dylan e Joan Baez, ao discursar na noite de terça-feira antes do início de uma apresentação comemorativa na Casa Branca.

"O movimento dos direitos civis era um movimento sustentado pela música, os 'spirituals', inspirada pela Bíblia, e marcado pelas canções de protesto sobre as injustiças que deviam ser corrigidas", afirmou o primeiro presidente negro dos Estados Unidos.

"O movimento foi ampliado por artistas 'folk' como uma filha novaiorquina de imigrantes e um jovem trovador de Minnesota, que souberam captar as dificuldades e as esperanças das pessoas que não eram governadas da mesma maneira, como apenas as canções podem fazer", completou, em referência a Joan Baez e Bob Dylan.

"Foi um movimento que teve uma trilha, que não estava inspirada apenas pelo movimento, mas que o inspirou e estimulou", completou.

"Joan Baez e Bob Dylan sabiam quando, em um dia de 1963, se uniram a centenas de milhares de pessoas em Washington, onde o reverendo Martin Luther King organizou o fim de sua marcha pelos direitos civis", destacou.

Além de Bob Dylan e de Joan Baez, atualmente com 68 e 69 anos respectivamente, a apresentação de terça-feira teria ainda as participações de Natalie Cole, Jennifer Hudson, John Legend, Smokey Robinson e Seal.

Os Estados Unidos celebram em fevereiro a história da comunidade negra.

Copyright © 2010 AFP. Todos os direitos reservados. Mais »

News Negro

Aiyê une Pernambuco e Bahia na Semana Pré
pe360graus.com
A musa foi escolhida durante a Noite da Beleza Negra, uma das principais prévias do Carnaval de Salvador. Ela desbancou 50 concorrentes e representa o bloco ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Nelson Mandela continua a inspirar a reconciliação
Expresso
No processo tentou garantir os direitos básicos para a minoria branca que representava, uma tarefa difícil face à opressão contra a maioria negra que ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

TV Educativa apresenta “Sou negro, não sei sambar”,
Primeira Edição
“Sou negro, não sei sambar”, de Patrício Salgado, fruto da quarta edição do DOCTV, é a atração da série para esta quinta-feira (11). ...
Veja todos os artigos sobre este tópico
'Narciso Negro' cantou o orgulho negro e garantiu à tradicional ...
Bom Dia Sorocaba
Em 1997, o samba-enredo “Narciso Negro” não saiu da boca dos paulistanos. Ele é um dos sambas-enredos históricos da série especial do BOM DIA. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico


Obama homenageia Bob Dylan e Joan Baez, ícones musicais dos ...
AFP
... participações de Natalie Cole, Jennifer Hudson, John Legend, Smokey Robinson e Seal. Os Estados Unidos celebram em fevereiro a história da comunidade negra.
Veja todos os artigos sobre este tópico



|||||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||
HEITOR (((((º_º))))) CARLOS
http://portodoscasa is.blogspot. com/
|||||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||
............ ......... ......... .
__._,_.___

Presos Foragidos

Polícia Civil de Santa Maria prende nove homens foragidos da Justiça
10/02/2010 18:00


Agentes da Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas (Defrec), de Santa Maria, comandados pelo delegado Vladimir Peukert Urach, prenderam, na manhã desta quarta-feira (10), nove homens foragidos da Justiça. Dentre eles um indivíduo condenado a 13 anos de prisão por homicídio. Os policiais, munidos de mandados de prisão, capturaram os indivíduos nos bairros Rosário, Kennedy, Salgado Filho, Nova Santa Maria, Carolina, Urlândia, Maringá e São José.

Os presos foram apresentados na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) e encaminhados ao Presídio Regional de Santa Maria.

Fonte: Ascom PC

Dinheiro e Boi

Quem só entende de dinheiro e boi não entende nada de gente.

Jacques Távora Alfonsin*.

O vice-presidente da Farsul, em artigo publicado na ZH do dia 30 de janeiro, comparou o MST com Dr. Jekyll e Mr. Hide, para sustentar a tese de que esse Movimento popular é um monstro. Isso estaria provado por três fatos principais, entre outros: uma iniciativa de procurador do Incra para apurar práticas criminosas que teriam ocorrido em um assentamento; tais assentamentos se constituiriam em fracassos econômicos, favelas rurais, segundo pesquisa do Ibope; “fome se acaba é com agricultura forte, e não com invasões, roubos e terrorismo rural.”

O pouco que não passou de opinião preconceituosa do articulista, preocupado que estava em criticar João Pedro Stedile, uma liderança nacional do MST, ficou em meia verdade. No dia seguinte, o vice da Farsul já teve oportunidade de constatar como é perigosa a generalização precipitada. A mesma ZH publicou matéria extensa sobre o quanto é antiga a presença de infiltrados dentro do Movimento, seja para alcaguetar, seja para se aproveitar de uma organização popular honesta com o fim de praticar atos desonestos. Por outro lado, mais de uma vez, em vários assentamentos, o próprio Movimento tomou a iniciativa de denunciar ao Incra irregularidades ocorridas nesses agrupamentos de pessoas, pois, como Paulo Freire já comprovara, o opressor, não raro, mora dentro do oprimido, e as/os assentadas/os não pretendem ter em seu meio, gente que pensa, individual, egoística e anti-socialmente, como a maioria da classe a qual pertence o vice da Farsul. Assentamento não é lugar de abigeatário nem de traficante de droga, como entidade rural patronal e latifundiária não deveria ser abrigo de denúncia generalista e leviana.

Faltou-lhe dizer também que, mal publicada a tal pesquisa do IBOPE, o IBGE veio em cima do fato (?), demonstrando que quem alimenta o povo brasileiro não são os grandes proprietários de terra, por eles tratada como simples mercadoria, escravizada e explorada em benefício exclusivo das suas exportações. É por isso, talvez, que não se observa indignação do mesmo artigo contrária a crimes como o de corromper o Poder Público, escondendo quem corrompe, explorar trabalho escravo, impedindo que projetos de lei contrários à tal ignomínia prosperem; protocolada em 2001, a proposta de emenda constitucional 438, contra o trabalho escravo, está parada no Congresso desde 2004...

Contratar jagunços assassinos, impor redação às leis, trocar o destino alimentar da terra por celulose, criar e dominar CPIS, manipular estatísticas (como aquela que o tal artigo do vice invoca, feita a mando da CNA), sonegar impostos e depois reclamar anistia para dívidas públicas e privadas, aconselhar a adição de raticida às águas que servem os acampamentos do MST, nada disso é crime para a opinião que criminaliza o Movimento. Celebrar a perseguição cruel e desumana que parte do Ministério Público do Rio Grande move contra as/os sem-terra, festejar o fechamento das escolas itinerantes que o MST mantém, minimizar até o assassinato de um sem-terra como o de Elton Brum da Silva, perpetrado covardemente na própria terra (São Gabriel), onde o vice não é vice e sim presidente do sindicato rural, igualmente, faz parte da poderosa e sórdida campanha de descrédito que domina grande parte da mídia contra as/os sem-terra.

Pelo menos para esse tipo de “agricultura forte”, assim considerada pelo vice da Farsul, baseada nesse autêntico terrorismo, o MST não é cúmplice, nem pode ser acusado de impune. Para o sustento perverso dessa relação ecológica com a terra, humana e social com o povo, não figura no seu passivo ter ajudado com bois ou com dinheiro. Nem ele nem os pequenos proprietários rurais (MPA), os atingidos por barragens (MAB) e as mulheres camponesas sob a bandeira do MMC. Como qualquer outra organização de povo, o MST não se julga isento de defeitos, como o vice parece considerar o modelo de atividade econômica que ele defende; o Movimento sabe muito bem disso, sem precisar das acusações, da ativa perseguição e criminalização que lhe são movidas, tanto pela classe rural a qual o articulista pertence, como por boa parte do Poder Público. É verdade que ocupa terras e o faz para fugir do desespero da pobreza e da miséria que ameaçam a vida das/os sem-terra. Quem o criminaliza e condena, entretanto, não tem que matar um leão por dia para saciar a fome das crianças suas filhas. Não fosse o programa bolsa família e as farmácias caseiras das/os próprios acampadas/os o descumprimento da função social da propriedade privada dos latifúndios já as teria eliminado. O patrocínio em dinheiro, bois e poder que inspiram mente, coração e armas dos novos capitães de mato que andam vigiando, tentando controlar e se preciso for, matar essa organização de povo - como parte do Ministério Público do Estado já decidiu outrora - deve estar colecionando perplexidades. Como é possível que uma gente tão pobre, vítima secular de campanhas tão antigas quanto mentirosas, com um passado tão doloroso de pessoas feridas e mortas, agredida diariamente no corpo e na moral, ainda resiste?

A resposta, salvo melhor juízo, parece simples. Os seus detratores são fiéis guardiães de um modelo secular de dominação econômica, política e jurídica, que, de “moderno” só têm a violência das mesmas armas que a sua ascendência colonialista e escravocrata lhes passou disfarçada depois como “liberdade de iniciativa”. As/os integrantes, agricultoras/ es trabalhadoras/ es pobres do MST, e outros movimentos populares, bem ao contrário, estão ao lado de uma nova sociedade e de um novo mundo possível, de uma liberdade de fato e não só de direito, de uma economia solidária, na qual o bem-estar de todas/os não seja sonegado apenas em favor de alguns.

Assim, pelo menos numa coisa o artigo do referido vice tem razão. O MST integra aquela fração de povo que não é boba. Enxerga o mal que esse modelo econômico do chamado agronegócio capitalista e neoliberal, com raras exceções, causa ao povo e ao seu país. Injusto, inconstitucional, ilegal, a intolerabilidade dos efeitos que ele causa explica e justifica a defesa da dignidade e da cidadania que o mesmo quer matar, como matou o Elton. Este mostrou que, em vez de dinheiro, tão ao gosto do raciocínio limitado do artigo publicado dia 30, essa defesa vale até o sacrifício da própria vida. Linguagens e ações desse tipo, porém, são incompreensíveis para quem entende só de dinheiro, lucro, pecúnia. Pecúnia vem do latim (pecus), de onde derivou pecuária, criação de bois. Isso não nos obriga a pensar e agir como essa vítima preferida dos matadouros e frigoríficos.

*Advogado do MST. Acesso@via-rs. net








-----Anexo incorporado-----


_______________________________________________
Cartaoberro mailing list
Cartaoberro@serverlinux.revistaoberro.com.br
http://serverlinux.revistaoberro.com.br/mailman/listinfo/cartaoberro

Irmão de Caiado é Autuado

Irmão de Caiado é autuado por Fiscalização do Trabalho
MARCELO AULER - Agencia Estado

RIO DE JANEIRO - O Grupo Móvel de Fiscalização do Ministério do Trabalho, na companhia de uma procuradora do Trabalho, autuou a Fazenda Santa Mônica, no município de Natividade, ao sul do Estado de Tocantins, de propriedade de Emival Ramos Caiado, irmão do deputado federal e líder do DEM, Ronaldo Caiado. Na fazenda foram encontrados 26 trabalhadores, que, embora registrados, estavam submetidos ao chamado trabalho degradante: permaneciam no meio do mato consertando a cerca, sem disporem de água potável, sem equipamento de proteção individual e dormindo em um acampamento precário.



Por exigência dos auditores fiscais do trabalho, os contratos de todos os empregados foram rescindidos com o pagamento de indenização a cada empregado, calculada com base no tempo de serviço deles, que não superou os três meses. Foram pagos em torno de R$ 100 mil em dinheiro vivo. Coube a outro Caiado, o advogado Breno, irmão de Emival, levar o dinheiro ao hotel Serra Verde, no município de Campos Belos (GO), onde os fiscais do trabalho estavam sediados.



O Grupo Móvel fiscalizou outras seis fazendas na região descobrindo, na Fazenda Olho D''Água, em Montes Claros de Goiás, dois menores de idade trabalhando em carvoaria, conforme consta do registro feito pelos auditores fiscais cuja cópia foi entregue ao presidente do Conselho Tutelar da cidade, Gregório Batista dos Passos Neto.



Emival Caiado alega que "a legislação nacional não está de acordo com os costumes locais. Nas cidades grandes se tem um padrão de comportamento, uma relação em termos de acomodação que é diferenciada", diz. "No nosso caso encontraram todos os empregados registrados, mas tinham umas pessoas consertando uma cerca de arame muito longe da sede e estas pessoas, como é de hábito delas, estavam acampadas no mato. Eles falaram que aquilo não era uma acomodação condigna e decente. Era um acampamento, mas é o usual na região", argumentou.



Na crítica à fiscalização, Breno e Emival apegaram-se na história dos menores que os fiscais disseram estar trabalhando ilegalmente em carvoaria. Na explicação dos dois, os menores são filhos de um trabalhador que prepara o carvão e estariam "em férias na fazenda e tinham ido levar água para o pai" quando a fiscalização chegou. No relatório dos auditores consta que as crianças estavam há mais tempo na fazenda, apresentavam marcas de fuligem, ferimentos e queimaduras típicas do trabalho neste setor.

Irmão de Caiado é Autuado

Irmão de Caiado é autuado por Fiscalização do Trabalho
MARCELO AULER - Agencia Estado

RIO DE JANEIRO - O Grupo Móvel de Fiscalização do Ministério do Trabalho, na companhia de uma procuradora do Trabalho, autuou a Fazenda Santa Mônica, no município de Natividade, ao sul do Estado de Tocantins, de propriedade de Emival Ramos Caiado, irmão do deputado federal e líder do DEM, Ronaldo Caiado. Na fazenda foram encontrados 26 trabalhadores, que, embora registrados, estavam submetidos ao chamado trabalho degradante: permaneciam no meio do mato consertando a cerca, sem disporem de água potável, sem equipamento de proteção individual e dormindo em um acampamento precário.



Por exigência dos auditores fiscais do trabalho, os contratos de todos os empregados foram rescindidos com o pagamento de indenização a cada empregado, calculada com base no tempo de serviço deles, que não superou os três meses. Foram pagos em torno de R$ 100 mil em dinheiro vivo. Coube a outro Caiado, o advogado Breno, irmão de Emival, levar o dinheiro ao hotel Serra Verde, no município de Campos Belos (GO), onde os fiscais do trabalho estavam sediados.



O Grupo Móvel fiscalizou outras seis fazendas na região descobrindo, na Fazenda Olho D''Água, em Montes Claros de Goiás, dois menores de idade trabalhando em carvoaria, conforme consta do registro feito pelos auditores fiscais cuja cópia foi entregue ao presidente do Conselho Tutelar da cidade, Gregório Batista dos Passos Neto.



Emival Caiado alega que "a legislação nacional não está de acordo com os costumes locais. Nas cidades grandes se tem um padrão de comportamento, uma relação em termos de acomodação que é diferenciada", diz. "No nosso caso encontraram todos os empregados registrados, mas tinham umas pessoas consertando uma cerca de arame muito longe da sede e estas pessoas, como é de hábito delas, estavam acampadas no mato. Eles falaram que aquilo não era uma acomodação condigna e decente. Era um acampamento, mas é o usual na região", argumentou.



Na crítica à fiscalização, Breno e Emival apegaram-se na história dos menores que os fiscais disseram estar trabalhando ilegalmente em carvoaria. Na explicação dos dois, os menores são filhos de um trabalhador que prepara o carvão e estariam "em férias na fazenda e tinham ido levar água para o pai" quando a fiscalização chegou. No relatório dos auditores consta que as crianças estavam há mais tempo na fazenda, apresentavam marcas de fuligem, ferimentos e queimaduras típicas do trabalho neste setor.

Sistema Financeiro




Sistema Financeiro
Banrisul lucra R$ 541,1 milhões e se consolida como um dos maiores do país
"Termos o oitavo maior banco do país não é um feito pequeno", disse a governadora Yeda Crusius, elogiando ainda a política de crédito do Banrisul em 2009, ano de crise global. Programas Estruturantes
Yeda anuncia R$ 1,4 milhão para expansão do Tecnosinos em São Leopoldo
Com o acordo, a Unisinos compromete-se a atrair novas empresas e a gerar outros 300 empregos. A medida integra o Programa Estruturante Mais Trabalho, Mais Futuro. Energia
Governo e setor eólico discutem leilões regionalizados
Um dos objetivos é equalizar viabilidade e competitividade de empreendimentos no Rio Grande do Sul em relação ao Nordeste do país. Segurança
Governo avança nas tratativas das obras no sistema prisional de Charqueadas
Em audiência pública, a secretária-Geral de Governo, Ana Pellini, e equipe do Governo apresentaram o projeto Novo Paradigma para o Sistema Prisional do RS, na Câmara Municipal. Energia
CEEE oferece vagas para médico e técnico em Enfermagem do Trabalho
As inscrições podem ser feitas até o dia 1º de março, pelo site da Fundatec (www.fundatec.com.br). As provas estão previstas para o dia 21 de março.
BoletimEnviar para um amigoReceber por e-mailEdições AnterioresFale ConoscoCaso não queira mais receber Notícias do Piratini do Rgs.

Batman

Batman (filme)
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batman

Batman (PT)
Batman (BR)
Estados Unidos da América, Reino Unido
1989 ı cor ı 126min

Direção Tim Burton

Elenco Michael Keaton
Jack Nicholson
Kim Basinger

Roteiro Bob Kane (personagens)
Sam Hamm
Warren Skaaren

________________________________________
Género ação, crime, fantasia, thriller
Idioma inglês
IMDB

Batman foi lançado nos cinemas norte-americanos em 23 de junho de 1989 pela Warner Bros. e logo tornou-se o filme mais lucrativo do ano. Foi dirigido por Tim Burton e tinha no elenco Jack Nicholson como o Coringa, Michael Keaton como Batman e Kim Basinger como a repórter Vicki Vale. Apesar de Keaton ter interpretado o herói que deu nome ao filme, Nicholson recebeu o maior salário.
O filme fez com que as raízes sinistras de Batman voltassem, tornando-se mais semelhante ao Batman das histórias em quadrinhos originais e afastando-o do estilo bobo da série de televisão Batman dos anos 1960 e do desenho Super Amigos. Como muitas versões cinematográficas de histórias em quadrinhos, o filme Batman contou sua própria versão da origem do super-herói e como o Coringa participou nisso.
Muitas pessoas que conheciam o Batman da série de televisão da década de 1960 criticaram o filme por ser muito sério e sem humor; no entanto, deve ser lembrado que o tom original do personagem era sério e não engraçado ou alegre. Outra reclamação, que permaneceu por todos os filmes da série entre 1989 e 1997 foi que os filmes eram muito focados nos vilões e não o suficiente no Batman em si.
Muitos fãs das histórias em quadrinhos ficaram decepcionados ao saber que Michael Keaton (que era mais conhecido na época por seus papéis de comédia) tinha sido escolhido para interpretar Batman e acreditaram que era um forte sinal que a produção do filme estava continuando o mesmo tom da antiga série de TV. Os produtores apresseram um teaser para provar que estavam tratando fielmente o personagem. A estratégia de marketing teve sucesso e desde o bem-sucedido lançamento do filme, Keaton foi apontado como um dos melhores atores que já interpretou Batman em longa-metragens, junto com Christian Bale de Batman Begins de 2005.
A trilha sonora foi composta por Danny Elfman, com canções de Prince. Duas séries animadas (Batman: The Animated Series e The Adventures of Batman and Robin) foram criadas com o sucesso do filme e três continuações – Batman Returns (1992), Batman Forever (1995) e Batman and Robin (1997) – foram produzidas. Batman: Mask of the Phantasm, um filme animado spin-off da série animada, foi lançado em 1993. Uma versão especial do filme em DVD (com dois discos, comentários e extras) foi lançada em outubro de 2005.
O filme foi ao ar no Cartoon Network dos Estados Unidos em 19 de novembro de 2005, sábado, durante o bloco de programação Toonami, com uma classificação de TV-14V, sendo a primeira vez que o canal norte-americano exibiu um filme com uma censura maior que TV-PG (que significa parental guidance, "supervisão dos pais sugerida") fora do bloco de programação orientada para adultos Adult Swim.
[editar] Links
Gotham City Site dedicado ao Homem Morcego. Tudo sobre Batman e seus inimigos. Notícias sobre os filmes e quadrinhos. 400 Wallpapers. Se você é fã do Batman não deixe de conhecer
Filmes de Batman

Batman | Batman Returns | Batman Forever | Batman & Robin | Batman Begins

Batman

Batman Returns
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batman Returns

Batman Regressa (PT)
Batman: O Retorno (BR)
Estados Unidos da América, Reino Unido
1992 ı cor ı 126min

Direção Tim Burton

Elenco Michael Keaton
Danny DeVito
Michelle Pfeiffer
Christopher Walken

Roteiro Bob Kane (personagens)
Daniel Waters
Sam Hamm

________________________________________
Género ação, crime, fantasia, romance, thriller
Idioma inglês
IMDB

Batman Returns (Batman: O Retorno no Brasil e Batman Regressa em Portugal) é o segundo filme de Batman dirigido por Tim Burton e o segundo estrelando Michael Keaton como o personagem que dá título ao filme. Desta vez, Batman conhece os vilões Pingüim (Danny DeVito), Mulher-Gato (Michelle Pfeiffer) e Max Shreck (Christopher Walken). Foi lançado nos cinemas dos EUA em 19 de junho de 1992. A trilha sonora composta por Danny Elfman cria uma atmosfera gótica compinando cordass e corais infantis. O filme é considerado o mais sinistro da franquia e contém a maioria dos elementos artísticos, cinematográficos e fantásticos freqüentemente atribuídos a Tim Burton.
Em 1992, como parte da campanha publicitária para promover o filme, a Warner Bros. produziu a série animada Batman: The Animated Series. Este filme, como seu predecessor, foi um grande sucesso, apesar de alguns fãs terem reclamado que era "muito estranho". O crítico de cinema Leonard Maltin acusou Batman Returns de ser "um filme desagradável, niilista e estilo-pesadelo" com um roteiro sinistro, malvado e incoerente. Hoje em dia, no entanto, uma porção significativa dos fãs dos filmes de Batman lembram deste como um dos melhores filmes da era Burton/Schumacher pelas mesmas qualidades criticadas por Maltin. Sua continuação é Batman Forever (1995).

Batman

Batman Forever
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batman Forever

Batman para sempre (PT)
Batman eternamente (BR)
Estados Unidos da América
1995 ı cor ı 122min

Direção Joel Schumacher

Elenco Val Kilmer
Tommy Lee Jones
Jim Carrey
Nicole Kidman

Roteiro Bob Kane (personagens)
Lee Batchler
Janet Scott Batchler
Akiva Goldsman

________________________________________
Género ação, crime, fantasia, thriller
Idioma inglês
IMDB

Batman Forever (1995; Batman Eternamente no Brasil e Batman para Sempre em Portugal) é o terceiro dos filmes de Batman que começaram com Tim Burton e sua versão do personagem de 1989, mas Forever representa uma enorme mudança em relação aos filmes anteriores, como mudanças no elenco, no design e no tema de Danny Elfman, que foi completamente sucateado. Apresenta Val Kilmer como Batman, em sua primeira e única aparição como o Cavaleiro das Trevas e marca a estréia de Robin na série (interpretado por Chris O'Donnell).
[editar] O filme
Enquanto os dois filmes anteriores tinham sido dirigidos por Tim Burton, Batman Forever foi dirigido por Joel Schumacher, cujas mudanças ao estilo pregado por Burton (como a inclusão de mamilos de látex na roupa de Batman) são lembradas por muitos como menos sérias que os anteriores. Burton, incidentalmente, foi produtor só de nome.
Os vilões do filme são o Charada, interpretado por Jim Carrey e Duas Caras/Harvey Dent, que foi interpretado por Billy Dee Williams no filme original de 1989, mas quem assumiu o papel neste filme foi Tommy Lee Jones. Também está presente no filme a Dra. Chase Meridian, interpretada por Nicole Kidman; o filme foi um destaque na carreira de Kidman e a colocou rumo à fama.
Acontecendo alguns anos após os eventos de Batman Returns, esta continuação mostra a aliança de Duas Caras com O Charada e seu plano resultante para destruir Batman. Também conta a história da origem de Robin (personagem familiar não visto nos dois filmes anteriores). A família circense de Robin é assassinada por Duas Caras e O Charada é um obsessivo e vingativo ex-engenheiro de Bruce Wayne, alter-ego de Batman.
Originalmente o filme era para ter sido dirigido por Burton com Michael Keaton como Batman novamente, Rene Russo como a "mocinha", Micky Dolenz como O Charada (o papel foi oferecido a Robin Williams, que recusou) e possivelmente uma reprise da personagem Mulher-Gato (que sobreviveu aos eventos de Batman Returns). Quando Burton foi anexado ao projeto do novo filme do Superman pelo estúdio, Keaton deixou o filme já que estava insatisfeito de representar o papel com outro diretor. Quando Val Kilmer, mais novo, foi escolhido, a produção foi atrasada e Rene Russo foi liberada, já que era muito velha para o papel. Devido ao seu grande sucesso, Batman Forever teve uma continuação dois anos depois, Batman & Robin, de 1997.
Filmes de Batman

Batman | Batman Returns | Batman Forever | Batman & Robin | Batman Begins

Retirado de "http://pt.wikipedia.org/wiki/Batman_Forever"

Yeda Autoriza inicio de Obras

Yeda autoriza início de obras de ginásio para prevenção da violência em Canoas
11/02/2010 09:17


Investimentos de R$ 550 mil, para obras que integram o Programa de Prevenção da Violência (PPV), foram concretizados na tarde desta quarta-feira (10), para a Escola Estadual de Ensino Médio São Francisco de Assis, em Canoas. A governadora Yeda Crusius assinou ordem de início para a construção de um ginásio de esportes no bairro Mathias Velho. A previsão de conclusão das obras é de 120 dias.

Para a governadora, é muito importante trabalhar em parceria com os municípios, independentemente do partido político que os representam. "O resultado de um Governo é muito maior quando trabalhamos com as cidades, nós temos 12 programas estruturantes. Estou feliz em estar aqui cumprimentando o município de Canoas por esta escola, porque a construção deste ginásio mostra que, com unidade, podemos melhorar a vida das pessoas."

O prefeito Jairo Jorge destacou o PPV como um dos mais importantes programas do Governo do Estado. "Enfrentamos a violência gerando oportunidades a esses jovens. Trabalhamos em parceria com o Governo na área da segurança. Mas hoje está sendo plantada uma semente que oferecerá sonhos, esperanças e um futuro melhor para os nossos jovens", avaliou.

Foram contemplados com ginásios de esportes os municípios de Esteio, Canoas, Alvorada, Novo Hamburgo, Montenegro, Rio Grande, Pelotas, Santa Cruz, Torres, Porto Alegre, Caxias do Sul, Santo Ângelo, São Luiz Gonzaga e Passo Fundo. Até o final desta semana, será autorizado o início da construção de mais sete complexos esportivos.

O PPV beneficia bairros carentes de cidades que detêm altos índices de violência, por meio da prática de esportes, aliada às melhorias das estruturas de lazer, saúde e segurança. As ações do programa integram jovens das comunidades em projetos socioeducativos e culturais. O PPV faz parte do Programa Estruturante Nossas Cidades.

Fonte: Site do Governo do Estado

Operação Centauro

Brigada Militar lança Operação Centauro 30 Horas
11/02/2010 09:35


Nesta quinta-feira (11/2), a partir das 8h a Brigada Militar está atuando em todo o RS, em ações e operações de polícia ostensiva e de preservação da ordem pública, até as 12h de sexta-feira (12/2), é a Operação Esforço Concentrado – Centauro 30 Horas.

A Operação está sendo realizada pelos Comandos Regionais de Policiamento Ostensivo, pelo Comando Rodoviário e pelo Comando de Órgãos Especiais, através do Batalhão Fazendário. A Operação tem com foco o combate à criminalidade, de acordo com os índices de ocorrências de cada localidade.

Cada comando estará divulgando para os meios de comunicação social (rádio, jornal e TV) a operação e os resultados obtidos em âmbito regional. A soma dos resultados em todo Estado será divulgada pela Comunicação Social da Brigada Militar.

Fonte: Ascom/ BM

Tunel do Tempo Homem de Virginia



Tunel do Tempo Homem de Virginia



28º Rodeio Crioulo de Vacaria RS


28º RODEIO ATINGE OS OBJETIVOS



Cerca de 250 mil pessoas vindas de todo o Brasil, além de países como Argentina, Uruguai, Paraguai, Ucrânia, Portugal, Itália, Espanha, passaram pelo Parque Nicanor Kramer da Luz no 28º Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria, realizado de 30 de janeiro a 07 de fevereiro de 2010.

Os visitantes puderam assistir a provas artísticas e campeiras, com participantes de vários estados, incluindo os países do Uruguai, Argentina e Paraguai. O CTG Amizade Sem Fronteiras, de São Lourenço do Oeste/SC, foi o Campeão Geral da Artística, recebendo uma moto Zero KM como prêmio do “Concurso à Cultura Gaúcha”.

Uma das provas campeiras que concentrou maior número de público foi a gineteada, que teve como vencedor Artur Padilha, de Passo Fundo/RS. Ele levou para casa um Automóvel Zero KM.

Outra atração do 28º Rodeio foi o número de participantes nas provas de laço, cerca de 5.000. A modalidade com maior número de inscritos foi a Prova de Laço Duplas Nacional, com 604 duplas inscritas. Os vencedores da Força “A” (prêmio uma Camionete Zero KM) foram Rosnido Sutil de Oliveira e Maico Delfes de Oliveira, de Campo Belo do Sul/SC; Força “B” (um automóvel zero KM) Jacson Hoffmann e Jurinha Araújo, de Palmas/PR e José Felipe Cordeiro e Renan Herculano Pereira, de São José/SC. Na Força “C” (carretão trucado) Helio Xavier e José Regaldo, de Curitibanos/SC e Fábio Fonseca e Leoanardo Jacob, de Caçapava do Sul/RS. Os resultados completos você encontra no site www.rodeiodevacaria.net.

A premiação das provas campeiras foi de aproximadamente R$ 150.000,00 e das provas artísticas R$ 60.000,00.

De acordo com a patronagem do CTG Porteira do Rio Grande, o 28º Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria atingiu as expectativas, graças ao empenho de todos e a união de esforços dos poderes Municipal, Estadual e Federal.



Crédito da foto: Fernando Amarante/ Foto Digital.




Caroline Lovato
Secretária Executiva
CTG Porteira do Rio Grande
(54) 3231-1011 e (54) 3232-1077
www.ctgporteiradoriogrande.com.br
www.rodeiodevacaria.net