Rádio WNews

quarta-feira, 25 de maio de 2011

11 anos do Jornal Negritude

  11 mai

João Amaro:

Parabéns
a esse veiculo de imprensa sério e
isento...continue assim
abraços!

11 anos do Jornal Negritude

Deise Nunes A grande Miss Brasil



Imperadores do Samba

Samblog - clicRBS


Posted: 10 May 2011 08:40 AM PDT
As inscrições só abrem no dia 21 de maio, mas os compositores já podem ir se preparando para o Festival de Samba-Enredo dos Imperadores do Samba. A sinopse do tema sobre Paulo Paim (leia aqui), o regulamento da disputa e o material necessário aos concorrentes devem ser divulgados ainda esta semana.
Entre as novidades em relação ao ano passado, estará a possibilidade de se inscrever pela internet. O prêmio para o autor do samba que cativar os leões também aumentou: além de troféu, os ganhadores receberão R$ 4 mil, pagos na hora.
A final do festival inclusive já tem data: dia 6 de agosto, um sábado. As inscrições ocorrerão entre 21 de maio e 25 de junho.
Posted: 10 May 2011 08:00 AM PDT
Prestes a comemorar uma década, a Associação Carnavalesca de São Leopoldo acaba de colocar no ar seu blog (clique aqui).
Além de reunir informações sobre as escolas da cidade, o endereço pretende manter todos atualizados sobre os acontecimentos da folia capilé. Como o jantar que ocorrerá no dia 19 de maio.
O evento marcará o aniversário da entidade e a posse da diretoria para o Biênio 2011/2012. Haverá também homenagens a baluartes e uma exposição histórica do Carnaval de São Leopoldo. Confira abaixo o serviço:

>

Jantar Comemorativo

10 anos da Associação e Posse da Diretoria Biênio 2011/2012

Quando: 19 de Maio, quinta-feira, às 20h

Onde: Restaurante e Buffet Baldo (Av. João Correa, 887 – centro de São Leo)

Convites: R$ 20 por pessoa
You are subscribed to email updates from Samblog

To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610

Bob Marley

Bob Marley


Bob Marley apresentação ao vivo, em 1980.
Informação geral
Nome completoRobert Nesta Marley
Nascimento6 de Fevereiro de 1945

Nine Mile, Saint Ann

 Jamaica
Data de morte11 de maio de 1981 (36 anos)

Miami, Flórida

 Estados Unidos
GênerosReggae, ska, rocksteady
InstrumentosGuitarra, Violão, Percussão
Período em atividade1962 - 1981
Gravadora(s)Studio One, Beverley's, Upsetter/Trojan, Island/Tuff Gong
AfiliaçõesMembro do Wailers,

líder da Wailers Band,

associado com os Upsetters,

associado com as I Threes
Página oficialSite Oficial
Bob Marley, nome artístico de Robert Nesta Marley (Nine Mile, 6 de fevereiro de 1945Miami, 11 de maio de 1981), foi um cantor, guitarrista e compositor jamaicano, o mais conhecido músico de reggae de todos os tempos, famoso por popularizar o gênero. Grande parte do seu trabalho lidava com os problemas dos pobres e oprimidos. Ele foi chamado de "Charles Wesley dos rastafáris" pela maneira com que divulgava a religião através de suas músicas.
Bob foi casado com Rita Marley, uma das I Threes, que passaram a cantar com os Wailers depois que eles alcançaram sucesso internacional. Ela foi mãe de quatro de seus doze filhos (dois deles adotados), os renomados Ziggy e Stephen Marley, que continuam o legado musical de seu pai na banda Melody Makers. Outros de seus filhos, Kymani Marley e Damian Marley (vulgo Jr. Gong) também seguiram carreira musical.

 Juventude

Bob Marley nasceu em 6 de fevereiro de 1945 em Saint Ann, no interior da Jamaica, filho de Norval Sinclair Marley, um militar branco, capitão do exército inglês e Cedella Booker, uma adolescente negra vinda do norte do país. Cedella e Norval estavam de casamento marcado para 9 de julho de 1944. No dia seguinte ao seu casamento, Norval abandonou-a, porém continuou dando apoio financeiro para sua mulher e filho. Raramente os via, pois estava constantemente viajando. Após a morte de Norval em 1955, Marley e sua mãe se mudaram para Trenchtown, uma favela de Kingston, onde o garoto era provocado pelos negros locais por ser mulato e ter baixa estatura (1,63 m). Bob teve uma juventude muito difícil, e isso o ajudou a ter personalidade e um ponto de vista bastante crítico sobre os problemas sociais.

 Carreira musical

 Princípio

Marley começou suas experimentações musicais com o ska e passou aos poucos para o reggae enquanto o estilo se desenvolvia. Marley é talvez mais conhecido pelo seu trabalho com o grupo de reggae The Wailers, que incluía outros dois célebres músicos, Bunny Wailer e Peter Tosh. Livingstone e Tosh posteriormente deixariam o grupo para iniciarem uma bem-sucedida carreira solo.
A maioria do trabalho inicial de Marley foi produzida por Coxsone Dodd no Studio One. O relacionamento dos dois se deterioraria mais tarde devido a pressões financeiras, e no começo da década de 1970 ele produziu o que é considerado por muitos o seu melhor trabalho, então pelas mãos de Lee "Scratch" Perry. A dupla também se separaria, desta vez por problemas com direitos autorais. Eles trabalhariam juntos novamente em Londres, e permaneceriam amigos até a morte de Marley.
O trabalho de Bob Marley foi amplamente responsável pela aceitação cultural da música reggae fora da Jamaica. Ele assinou com o selo Island Records, de Chris Blackwell, em 1971, na época uma gravadora bem influente e inovadora. Foi ali, com No Woman, No Cry em 1975, que ele ganhou fama internacional..

 Tiroteio e violência eleitoral


Bob Marley & The Wailers ao Vivo no Crystal Palace Park durante a Uprising Tour.
Em 1976, dois dias antes de um show gratuito organizado por Bob Marley e o então primeiro-ministro jamaicano Michael Manley durante as eleições gerais, Marley, sua esposa Rita e o empresário Don Taylor foram baleados na residência do astro em Hope Road. Marley sofreu ferimentos leves no braço e no tórax. Don Taylor levou a maior parte dos tiros em sua perna e torso ao andar acidentalmente na frente da linha de fogo. Ele foi internado em estado grave mas recuperou-se. Rita Marley também foi internada após um grave ferimento na cabeça. Acredita-se que o tiroteio teve motivações políticas (os políticos jamaicanos eram em geral violentos na época, especialmente quando as eleições se aproximavam). O concerto foi visto como um gesto de apoio ao primeiro-ministro, e supostamente Marley foi alvo dos defensores do partido conservador da Jamaica, o Jamaican Labour Party. Embora a polícia nunca tenha pego os atiradores, pessoas desconhecidas "acertaram as contas" mais tarde com eles nas ruas de Kingston. Além disso, o Candidato Michael Manley foi eleito.

 Final de carreira

Bob Marley deixou a Jamaica no final de 1975 e foi para a Inglaterra, onde gravou os álbuns Exodus e Kaya e onde também foi preso pela posse de um cigarro de maconha. Ele lançou a música Africa Unite no álbum Survival em 1979, e então foi convidado a tocar nas comemorações pela independência do Zimbabwe em 17 de abril de 1980.

 Convicções políticas e religiosas

Bob Marley era adepto da religião rastafári. Ele foi influenciado por sua esposa Rita, e passou a receber os ensinamentos de Mortimer Planno. Ele servia de fato como um missionário rasta (suas ações e músicas demonstram que isso talvez fosse intencional), fazendo com que a religião fosse conhecida internacionalmente. Em suas canções Marley pregava irmandade e paz para toda a humanidade. Antes de morrer ele foi inclusive batizado na Igreja Ortodoxa da Etiópia com o nome Berhane Selassie.
Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida.
Bob Marley
Marley era um grande defensor da maconha, usada por ele no sentido da comunhão, apesar de que seu uso não é consenso entre os rastafáris. Na capa de Catch a Fire inclusive ele é visto fumando um cigarro de maconha, e o uso espiritual da cannabis é mencionado em muitas de suas músicas.
Marley também tinha conexões com a seita rastafári "Doze Tribos de Israel", e expressou isso com uma frase bíblica sobre José, filho de Jacó, na capa do álbum Rastaman Vibration.

 A batalha contra o câncer

 Diagnóstico

Em julho de 1977 Marley descobriu uma ferida no dedão de seu pé direito, que ele pensou ter sofrido durante uma partida de futebol. A ferida não cicatrizou, e sua unha posteriormente caiu; foi então que o diagnóstico correto foi feito. Marley na verdade sofria de uma espécie de câncer de pele, chamado melanoma maligno, que se desenvolveu sob sua unha. Os médicos o aconselharam a ter o dedo amputado, mas Marley recusou-se devido aos princípios rastafaris que diziam que os médicos são homens que enganam os ingênuos, fingindo ter o poder de curar. Ele também estava preocupado com o impacto da operação em sua dança; a amputação afetaria profundamente sua carreira no momento em que se encontrava no auge (na verdade, a preocupação de Bob Marley era quanto à amputação de qualquer parte de seu corpo, seja o dedo do pé ou suas tranças. Para os seguidores dessa religião/filosofia, não se deve cortar, aparar ou amputar qualquer parte do corpo). Marley então passou por uma cirurgia para tentar extirpar as células cancerígenas. A doença foi mantida em segredo do grande público.

 Conversão

Segundo seu filho Ziggy Marley, Marley se converteu ao cristianismo antes de morrer, em 1977. O motivo seria o de que, segundo a religião rasta, o corpo é um templo sagrado e por isso retirar o câncer seria errado. Marley teria descoberto muitas coisas semelhantes entre o rastafarianismo e o cristianismo e decidido que seu corpo deveria ser cuidado. O próprio Ziggy ainda tenta espalhar o legado de seu pai, com ideais e raízes do rastafarianismo e do reggae, mas com um entendimento cristão.

 Colapso e tratamento

O câncer espalhou-se para seu cérebro, pulmão e estômago. Durante uma turnê no verão de 1980, numa tentativa de se consolidar no mercado norte-americano, Marley desmaiou enquanto corria no Central Park de Nova Iorque. Isso aconteceu depois de uma série de shows na Inglaterra e no Madison Square Garden, mas a doença o impediu de continuar com a grande turnê agendada. Marley procurou ajuda, e decidiu ir para Munique para tratar-se com o controverso especialista Josef Issels por vários meses, não obtendo resultados.

 Morte

Um mês antes de sua morte, Bob Marley foi premiado com a Ordem ao Mérito Jamaicana. Ele queria passar seus últimos dias em sua terra natal, mas a doença se agravou durante o vôo de volta da Alemanha e Marley teve de ser internado em Miami. Ele faleceu no hospital Cedars of Lebanon no dia 11 de maio de 1981 em Miami, Flórida, aos 36 anos. Seu funeral na Jamaica foi uma cerimônia digna de chefes de estado, com elementos combinados da Igreja Ortodoxa da Etiópia e do Rastafarianismo. Ele foi sepultado em uma capela em Nine Mile, perto de sua cidade natal, junto com sua guitarra favorita, uma Fender Stratocaster vermelha.

 Reputação póstuma

A música e a lenda de Bob Marley ganharam mais e mais força desde sua morte, e continuam a render grandes lucros para seus herdeiros. Também deu a ele um status mítico, similar ao de Elvis Presley e John Lennon. Marley é enormemente popular e bastante conhecido ao redor do mundo, particularmente na África e na América Latina. É considerado por muitos como o primeiro popstar do Terceiro Mundo.

 Controvérsia sobre o local do túmulo

Em janeiro de 2005 foi divulgado que Rita Marley estava planejando exumar os restos de Bob Marley e enterrá-los em Shashamane, Etiópia. Ao anunciar sua decisão, Rita afirmou que "toda a vida de Bob foi centrada na África, não na Jamaica". Os jamaicanos foram amplamente contra a proposta, e a comemoração do aniversário de Bob em 6 de fevereiro de 2005 foi celebrada em Shashamane pela primeira vez, pois, antes todas as outras haviam sido realizadas na Jamaica.

 Prêmios e honrarias


Estrela de Marley na Calçada da Fama, em Hollywood.

 Discografia

 Álbuns de estúdio

ÁlbumBandaData de lançamentoGravadora
The Wailing WailersThe Wailers1965Studio One
Soul RebelsThe WailersDezembro de 1970Upsetter/Trojan
Soul RevolutionThe Wailers1971Upsetter/Trojan
Soul Revolution Part IIThe Wailers1971Upsetter/Trojan
The Best of The WailersThe WailersAgosto de 1971Beverley's
Catch a FireThe Wailers13 de abril de 1973Island/Tuff Gong
Burnin'The Wailers19 de outubro de 1973Island/Tuff Gong
Rasta RevolutionThe Wailers1974Upsetter/Trojan
Natty DreadBob Marley & The Wailers25 de outubro de 1974Island/Tuff Gong
Rastaman VibrationBob Marley & The Wailers30 de abril de 1976Island/Tuff Gong
ExodusBob Marley & The Wailers3 de junho de 1977Island/Tuff Gong
KayaBob Marley & The Wailers23 de março de 1978Island/Tuff Gong
SurvivalBob Marley & The Wailers2 de outubro de 1979Island/Tuff Gong
UprisingBob Marley & The Wailers10 de junho de 1980Island/Tuff Gong
ConfrontationBob Marley & The Wailers23 de maio de 1983 (póstumo)Island/Tuff Gong

 Álbuns ao vivo

ÁlbumDataGravadora
Live!5 de dezembro de 1975Island/Tuff Gong
Babylon by Bus10 de novembro de 1978Island/Tuff Gong
Talkin' Blues (gravado em 1973)4 de fevereiro de 1991Island/Tuff Gong
Live at the Roxy (gravado em 1976)24 de junho de 2003Island/Tuff Gong

 Videografia

Operação Faroeste 3

Polícia Civil prende duas mulheres por tráfico de drogas na sequência da Operação Faroeste


A Polícia Civil através da Seção de Investigações da Delegacia de Polícia de Vacaria, prendeu duas mulheres por associação ao tráfico de drogas.

A prisão foi decretada pela Justiça, após representação da Polícia Civil e parecer favorável do Ministério Público, como parte final da operação denominada “Operação Faroeste”, que foi realizada pela Polícia Civil para desarticular uma quadrilha que vinha colocando em Vacaria grandes quantidades de cocaína e crack.

Segundo informações do delegado Carlos Alberto Defaveri, a referida operação teve esse nome porque o alvo principal da operação, que cumpria pena no complexo charqueadas e na Penitenciária Industrial de Caxias do Sul, e que veio para Vacaria no ano passado para cumprir o restante no regime semi-aberto, tem o apelido de “Pistoleiro”, em razão dos crimes que cometia com emprego de arma de fogo naquela cidade.

Esta foi a terceira etapa da operação que encerrou com as prisões das duas mulheres. O processo já tramita na Segunda Vara Criminal de Vacaria.

Histórico:
Em 15 de abril deste ano, no bairro Municipal, foi desencadeada a “Operação Faroeste I: Nessa ocasião, a PC prendeu 1,3 Kg de cocaína, uma pistola 9mm, um revólver Magnun 357 (armas de uso restrito) e farta munição (150 cartuchos). Na ocasião, três pessoas foram presas em flagrante, inclusive o alvo principal.

“Operação Faroeste II: Neste mês de maio, ocorreu a apreensão de bens da quadrilha, via seqüestro judicial, incluindo um carro Vectra 2011 e dois outros veículos, além de outros bens.

“Operação Faroeste III: Foi feita a prisão dos demais envolvidos na associação ao tráfico, que foram identificados durante a investigação como pessoas que davam o suporte operacional e financeiro, guardando e entregando a droga, e recebendo e efetuando os pagamentos.

Após os procedimentos legais na Delegacia de Polícia, as duas mulheres, foram encaminhadas ao Presídio Estadual de Vacaria, elas juntam-se agora, aos demais presos da operação.

Ao todo, a Operação Faroeste resultou em seis pessoas presas por tráfico de drogas e associação ao tráfico.

Equipe participante da operação final: cinco agentes da Polícia Civil e duas viaturas.


Data: 24/05/2011 - 08:43
Fonte: Adelar Gonçalves/Rádio Esmeralda e Delegado Carlos Alberto Defaveri.

Comentário do Leitor

Exibir detalhes
Exporaca deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Associação Negra":

www.exporaca.com.br
dá uma olhada e entra em contato conosco através do site.

Grata;



Postado por Exporaca no blog Jornal Negritude em 23 de maio de 2011 20:44

Youtube

Exibir detalhes

YouTube central de ajuda | opções de e-mail | denunciar spam
Você recebeu uma mensagem de Debora5550:
RHAISSA MUITO PRAZER EU EXISTO
To:joaoandersonmusic,joaoboscoevinicius,joeofmoochilla,joezjoezjoez1,johanna794,johnbasedow1,johnvena56,jonphenoix,jordankingtv1,jorgeyuk,jornalnegritude,jotaquest,jrpedroza1,jspvoice,juanborgesrv,juanlorenzerimar,judyesther,julianourata,julio635261,jumaholiday,juninhogba10,juribilva,kakabds,kakazinho22brasil,karaokekingjapan

Mais um video de Rhaissa presenti do amigo Vendedor de Flores.
Visite o Blog da Rhaissa.
http://rhaissacordella.blogspot.com
Veja a Rhaissa tambem :

Youtube - http://www.youtube.com/user/Debora5550

Blog - Site:http://rhaissacordella.blogspot.com

Outras Palavras

bibliotecadiplô e OUTRASPALAVRAS
Boletim de atualização de Outras Palavras e Biblioteca Diplô - Nº 67 - 21/5/2011
110521-Espanha2b.jpg
“Nem políticos, nem banqueiros”
Primavera jovem espanhola expande-se, toma praças em mais de 200 cidades, desafia ordem judicial e identifica com mais clareza seus adversários. Por Pep Valenzuela


Chamam-na democracia. E não é

Quem dita as regras do jogo são formidáveis corporações econômico-financeiras”, diz escritor Carlos Taibo, numa fala à Puerta del Sol ocupada

Embrião de uma nova esquerda?

Origens do movimento espanhol revelam uma clara busca de pós-capitalismo e um esforço para superar as velhas formas de centralização. Por Luís F. C. Nagao


Para acompanhar via net a Espanha Rebelde

A rebelião será transmitida
online: sites, twitter, facebook, mapas interativos, webcams, e álbuns de fotos permitem seguir movimento sem intermediários. Por Cauê Ameni
O manifesto DemocraciaYa
"Somos pessoas como você – não produtos do mercado. Unidos, podemos mudar. Vem conosco . É teu direito"
110521-IsraelPazC.jpg
Israel: um manifesto pela paz
Dezenas de personalidades defendem fronteiras de 1967 e sustentam: “reconhecer Estado palestino é vital para independência de Israel”


Palestina: fala um líder da resistência pacífica

Moustapha Barghouti
revela bastidores da pacificação Fatah-Hamas, destaca avanço da opção pela não-violência e sugere isolar direita israelense


Revolução nos dias de hoje?

Dez diretores foram convidados a realizar um filme sobre os 100 anos da Revolução Mexicana. O resultado, amargo e lúcido, permite pensar sobre como a arte reflete a memória coletiva de um povo.
Por Bruno Carmello


Entrando pelo Kahn

Em um furo mundial,
Chéri à Paris descobriu as três linhas da defesa que o ex-chefe do FMI pretende apresentar, diante das acusações de violência sexual. Por Daniel Cariello

-- Boletim de atualização dos sites Outras Palavras Biblioteca Diplô. A reprodução é benvinda. Interessados em recebê-lo devem clicar aqui. Para deixar de receber, aqui.

Acompanhe nossas novidades também no Facebook e Twitter


_______________________________________________
Boletimdiplo mailing list
Boletimdiplo@listas2.rits.org.br
http://listas2.rits.org.br/mailman/listinfo/boletimdiplo
Descadastrar: envie email a Boletimdiplo-unsubscribe@listas2.rits.org.br

Morte de Abdias Nascimento

Fui pego de surpresa com o falecimento de Abdias Nascimento que senador pelo PDT do RJ eu o conheci pessoalmente em 1995 no Congresso do MNU em Nova Iguaçu, um grande líder e intelectual do Movimento Negro, uma grande perda para causa negra do Brasil.

CULTNE - Abdias do Nascimento

Morte de Abdias Nascimento

Faleceu hoje (dia 24/05) pela manhã Abdias do Nascimento.
Poeta, político, artista plástico, jornalista, ator e diretor teatral, Abdias foi um corajoso ativista na denúncia do racismo e na defesa da cidadania dos descendentes da África espalhados pelo mundo (cf. Correio Nagô). 
Ex-militante da Frente Negra Brasileira, Fundador do Teatro Experimental do Negro, do qual fez parte, dentre outras atrizes e atores, Ruth de Souza, ex-deputado federal e ex-senador, Abdias deixa um legado de luta e dignidade, que é preciso manter vivo, seja por meio da leitura de seus livros, seja aprendendo com sua atitude de insubordinação ou por meio da discussão de seus ideais humanitários.
Axé, Abdias, vivo sempre em nossa memória!

Para saber um pouco mais sobre a vida desse ícone do movimento negro, é fundamental a leitura da maravilhosa biografia feita por Éle Semog, publicada pela Editora Pallas: Abdias - o Griot e as Muralhas.
Dois vídeos também mostram um pouco a face humana e a história desse ativista:
http://www.youtube.com/watch?v=kjT-nbvV0uE
http://www.youtube.com/watch?v=fvSvdDwvVaw&feature=related

Mensagem do Leitor

Glória 2 x 1 Guarani-VA parte 11

Servidores da BM

Servidores da BM têm feirão para aquisição da casa própria a partir de quarta24/05/2011 19:49

O secretário da Segurança Pública, Airton Michels, e o secretário-adjunto da pasta, Juarez Pinheiro, acompanham o governador Tarso Genro na abertura do Feirão da Casa Própria, nesta quarta-feira (25), promovida pela Associação Beneficente Antônio Mendes Filho (Abamf), que representa cabos e soldados da Brigada Militar. Voltado especialmente para os policiais militares, o Feirão segue até o dia 31 deste mês e deverá oferecer mais de 5 mil imóveis com condições especiais para os brigadianos que ainda sonham com a moradia. A abertura oficial do feirão será às 9h, na sede da Associação (avenida Veiga, 223 - Partenon, em Porto Alegre).
A iniciativa é fruto de parceria do Governo Estadual, por meio da Secretaria da Segurança Pública, com a Caixa Econômica Federal e a própria Abamf. Em fevereiro deste ano, o Estado e a CEF, a partir de diretrizes do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), firmaram acordo de cooperação para facilitar aos servidores que recebem até seis salários mínimos a aquisição da casa própria. Além dos brigadianos, o acordo beneficia também os servidores da Polícia Civil (PC), da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) e do Instituto-Geral de Perícias (IGP).
O Feirão destina-se aos brigadianos ativos e inativos que tenham renda bruta familiar de até R$ 2.790,00 (valor ainda a ser reajustado pela Caixa). Para rendas acima dessa faixa, também haverá ofertas, com diferentes taxas de juros. Um dos mais importantes itens do acordo é a não-exigência de regularidade cadastral dos interessados em órgãos como SPC e Serasa. Segundo Leonel Lucas, em torno de 15 mil integrantes da BM poderão ser beneficiados pelo programa.
Texto: Renato Araújo
Edição: Palácio Piratini (51) 3210.4305

Blog

Mensagem do Leitor

Glória 2 x 1 Guarani-VA parte 10