Grêmio 1 x 0 Botafogo

Grêmio 1 x 0 Botafogo
Libertadores 2017

terça-feira, 21 de junho de 2011

Miss

Mensagem do Leitor

Recados para Orkut - Segunda-feira

Mensagem do Leitor

Governo do Estado

Chefe da Casa Civil defende projeto da Previdência


Com a tarefa de esclarecer dúvidas sobre o projeto que trata das mudanças na Previdência estadual, o chefe da Casa Civil, Carlos Pestana, reiterou nesta quarta-feira (15), em entrevista ao programa Espaço Público, da TV Assembleia, a necessidade de o Legislativo aprovar a nova alíquota do sistema previdenciário - que prevê contribuição de 11% sobre o teto do INSS, R$ 3.689,66, e 16,5% sobre o que exceder o valor. Pestana reforçou, ainda, o compromisso do Governo do Estado em garantir o piso nacional ao magistério e rebateu algumas críticas da categoria à proposta encaminhada pelo Executivo ao parlamento.

Além de enfatizar que o projeto não retira nenhum direito adquirido dos professores, Pestana esclareceu que, para atingir o piso nacional, os professores gaúchos terão um aumento de 63% nos próximos quatro anos do Governo Tarso Genro. "Com isso, alguns professores passariam a contribuir com acréscimo da alíquota em 1%. Eu pergunto qual é o professor neste Estado, em que lhe é oferecido um reajuste de 63% e uma contrapartida de aumentar a previdência em 1%, que não vai aceitar essa alternativa", destacou o chefe da Casa Civil. Ele frisou também que, se aprovada, a medida será uma das maiores conquistas da categoria.

Mais do que garantir uma previdência pública e sustentável, a medida não atingirá 87% dos servidores do Executivo, disse o chefe da Casa Civil ao salientar que o Executivo construiu uma solução que vai contemplar os atuais servidores - cuja maioria não contribuiu para a aposentadoria -, e os que ingressarem no serviço público após as mudanças. Atualmente, o passivo da previdência é de R$ 5,4 bilhões. "Gastamos R$ 7 bilhões, dos quais R$ 1,6 bilhão foi pago pelo sistema (de previdência), ou seja, com a contribuição de 11% do servidor e 22% do Estado. Os outros R$ 5,4 bilhões foram pagos pelos cofres do Estado", comparou. Até 2015, a previsão é de que o valor do déficit seja de R$ 6,2 bilhões.

Na falta de propostas viáveis para solucionar o problema da previdência, Pestana descartou a possibilidade de retirada do pedido de regime de urgência dos projetos. Conforme o chefe da Casa Civil, o Executivo promoveu debates com representantes de diversas categorias e com o legislativo. Durante os encontros, ele reiterou a necessidade de implementação dos projetos e apresentou os principais pontos das propostas.

"Talvez tenha sido o projeto mais discutido na Assembleia, pois estamos desde março anunciando as medidas. Fizemos um longo debate com a base aliada, pautamos no Conselhão, no Codipe, e nos reunimos com as centrais sindicais", garantiu, acrescentando que houve reuniões com as bancadas oposicionistas do PP e do PSDB.

Pestana salientou que as propostas que chegaram ao Executivo não solucionariam o déficit da previdência gaúcha em longo prazo. "Estamos dizendo aos servidores e às bancadas de oposição que, se surgir um projeto que de fato enfrente o plano da previdência e que amplie seu apoio para além da base do Governo, nós poderemos até estudar essa possibilidade (de retirada do regime de urgência). Infelizmente, de concreto até agora, não surgiram medidas que enfrentem os problemas da previdência", frisou.

Texto: Felipe Samuel
Foto: Reprodução
Edição: Redação Secom (51) 3210.4305






Redação - e-mail: redacao@secom.rs.gov.br - Fone: (51) 3210.4305
Boletim | Enviar para um amigo | Receber por e-mail | Edições Anteriores | Fale Conosco Caso não queira mais receber Redação do Rio Grande do Sul. Clique aqui

Vereadora Sofia Cavedon




A juventude e a democracia

Artigo da vereadora Sofia Cavedon
Uma reflexão sobre os acontecimentos da semana referente ao conflito DCE/PUCRS.
Acesse aqui...


Veja também:


Ouvidor dos Direitos Humanos irá acompanhar processo

Eleições para DCE da PUCRS esbarram em impasse sobre a data


Nova reunião deve trazer resoluções a impasse envolvendo DCE da PUCRS



Um novo tempo de democracia e participação para os alunos da PUCRS



Vereadores reúnem-se com Reitoria da PUCRS



Alunos da Pucrs denunciam fraude aos vereadores

Foto Genaro Joner/Agencia RBS

Foto Tagli Padilha



Ciclo debaterá obras de arte e monumentos públicos

Com vagas limitadas, estão abertas as inscrições para o Ciclo de palestras: História, conhecimento e valorização das obras de arte e monumentos públicos de Porto Alegre.

Saiba mais...
Arte Jorge Barcellos




Educação infantil da capital funcionam sem alvará

Audiência Pública na Câmara de Porto Alegre debateu o tema. A principal constatação é que as instituições estão longe de atender as crianças dentro de um projeto pedagógico adequado, sendo que muitas sequer operam com alvará ou outros documentos.



Saiba mais...
Foto Mariana Fontoura/CMPA



Papel das mulheres na reforma política

Audiência Pública da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Federal, organizada pela Câmara Municipal de Porto Alegre e Fórum Portoalegrense pela Reforma Política, debateu na segunda-feira (13), o papel das mulheres no processo de construção da reforma política, que tramita no Congresso Nacional.

Saiba mais...

Foto Jonathan Heckler/CMPA


Câmara na Comunidade

Saúde, saneamento básico, transporte urbano e energia elétrica foram os principais problemas apontados ao Câmara na Comunidade, que visitou o Condomínio Mariante, vilas Sertão I, Sertão II e Esperança, no bairro Belém Velho.

Saiba mais...
Foto Jonathan Heckler/CMPA

Câmara no Ônibus

A presidente da Câmara de Porto Alegre, vereadora Sofia Cavedon, retomou na manhã de quarta-feira (15) as vistorias nas linhas de ônibus e paradas, ficando chocada com a superlotação da linha T2.

Saiba mais...

Veja também:

Mensagem de apoio de um(a) usuário(a) ao Câmara no Ônibus:
Foto Jonathan Heckler/CMPA


Tolerância Religiosa e a Consciência Ambiental

O I Seminário Tolerância Religiosa e a Consciência Ambiental debateu a preservação do meio ambiente pela religião afro-umbandista e a realização de campanhas pela tolerância religiosa.

Saiba mais...
Foto Fernanda Westerhofer/CMPA


Câmara reforça pleitos da Agapan

Entidade teve sua sede destruída por empresa no início do mês
Reconstrução da sede da Agapan e maior rigidez para a concessão de alvarás, a fim de que o fato ocorrido com a entidade ambientalista não aconteça mais, foram os encaminhamentos da reunião realizada na quarta-feira (15), na Câmara Municipal de Porto Alegre.

Saiba mais...
Foto Tonico Alvares/CMPA

125 anos do Colégio Farroupilha

A Câmara Municipal de Porto Alegre homenageou, na terça-feira (14/6), a passagem dos 125 anos do Colégio Farroupilha em Porto Alegre.

Saiba mais...
Foto MarianaFontoura/CMPA

Escola Educacional de Trânsito

A presidente da Câmara, Sofia Cavedon, recebeu na terça-feira (14), a direção da ONG Vida Viva, quando apresentaram o projeto de Escola Educacional de Trânsito.

Saiba mais... Foto Tonico Alvares/CMPA

Cidadão de Porto Alegre

O vice-presidente da TAP, Luiz da Gama Mor, foi homenageado pela Câmara Municipal de Porto Alegre na terça-feira (14/6).

Saiba mais... Foto Fernanda Westerhofer/CMPA

Estagiários Especiais

Sofia participou, na terça-feira (14), da abertura do seminário de avaliação e perspectiva dos estagiários especiais da Casa.

Saiba mais...
Foto idiana Tomazelli

Doe um Agasalho

A Câmara de Porto Alegre se engaja na Campanha do Agasalho 2011.
Faça sua parte e dá teu calor a quem não tem.

Saiba mais... Arte Mario Pepo

Estante Pública

Passe no Quiosque da Ouvidoria da Câmara de Vereadores, no Mercado Público, doe um livro e contribua com o fomento da cultura. Fortaleça a ideia de que o livro é para ser lido e circular.

Saiba mais...



Agenda Sofia Cavedon/PT

Acesse aqui...


Acontecendo
Exposições, shows, debates, encontros, simpósios e muito mais...

Acesse aqui...











Email Marketing


Se voc? n?o deseja mais receber estas mensagens, basta clicar no link abaixo.
Clique aqui para ser removido
");

População Pobre

Perfil da população extremamente pobre  estimada em 16 milhões de habitantes
• 59% estão concentrados na Região Nordeste - 9,6 milhões de pessoas;
Do total de brasileiros residentes no campo, um em cada quatro se encontra em
extrema pobreza (25,5%); ou 4,1 milhões de pessoas.
• 51% tem até 19 anos de idade;
• 40% tem até 14 anos de idade;
• 53% dos domicílios não estão ligados à rede geral de esgoto pluvial ou fossa séptica;
• 48% dos domicílios rurais em extrema pobreza não estão ligados à rede geral de distribuição de água e não têm poço ou nascente na propriedade;
• 71% são negros (pretos e pardos);
• 26% são analfabetos (15 anos ou mais).=4 milhões de pessoas.
 

Questão Agrária

Corpo da mensagem

Estimados companheiros/as
 
Nosso amigo, pesquisador agrario Gerson teixeira, teve acesso aos dados do cadastro do Incra de 2003 e 2010,  para o total do Brasil, regioes e por estado.
Segue anexo o estudo que ele preparou com base nesses dados.
No final do estudo, tem os dados por estado.
Notem que no incra esta classificado apenas  GRANDE PROPRIEDADE  e dentro dela, as Grandes porpriedades produtivas, com base nos dados fonrecidos pelo proprietario, e com base no indice de produtividade utilizado ainda pela portaria de 1993.;
Se a gente diminuir do total da grande propriedade dos dados da Grande propriedade produtiva, teremos entao o item GRANDE PROPRIEDADE IMPRODUTIVA, QUE É A passivel de desapropriaçao.
 
Juntamos ao estudo, uma tabela, sobre o total do Brasil, já com esse calculo.  Pode-se ver por ela, que mesmo aplicando o indice de produtividade desatualizado e seguindo as informações dos proprietarios que colocam como querem no cadastro de seus imoveis rurais,  temos para o Brasil nada menos do que 69.223 grandes propriedades improdutivas que detem 228 milhoes de hectares.
 
Tambem voces podem com parar nessa tabela, como aumentou a concentração da propriedade, nos imoveis rurais classificados como grande propriedade.
 
Para cada estado, voces poderão fazer o mesmo estudo e tirar suas ilações.
 
Recomendamos que cada quem em seu estado, pegue os dados, faça suas analises, e de preferencia comentem em artigos para a imprensa popular e tambem paara a grande imprensa.    Para quem dizia que nao tinha mais latifundio no Brasil, que o agronegocio havia transformado todas as propriedades em produtivas... fica ai a avaliaçao.
 
E quem nao quiser acreditar na estatisticas, que tome tempo, e anda de carro ou onibus pelo interior do país, e veja como estão as grandes propriedades...
 
abs
sec nacional 

Anexos

Fazer o download de tudo
  • Evolução da Concentração da Propriedade.Incra 2003-10 jun11.doc
  • Concentração da Terra no Brasil. estudo de Gerson teixeira, jun 11.doc

Instituto Federal em Vacaria RS

Governo Federal confirma criação de campus do Instituto Federal em Vacaria

O Governo Federal anunciou nesta terça-feira, 21/06, a criação de sete escolas técnicas no Rio Grande do Sul. A decisão foi da presidente, Dilma Rousseff. A intenção é que estes estabelecimentos de ensino estejam em pleno funcionamento até 2014.

Uma das unidades será em Vacaria, onde o poder público vinha mobilizando a comunidade para pleitear a federalização do Instituto Federal. Com a mudança, toda estrutura da instituição será mantida com recursos federais, desde a construção ou aquisição de um prédio, até a contratação de professores. Atualmente, a unidade de Vacaria oferece duas modalidades de cursos técnicos gratuitos, em agropecuária e informática.
por Fábia Schüler , dia 21/06/2011 às 14:40

Bolinha


terça-feira, 21 de junho de 2011

Bolinha (apresentador)

Édson Cury (Santos, 16 de julho de 1936 — São Paulo, 1 de julho de 1998), mais conhecido artisticamente como Bolinha, foi um radialista e apresentador brasileiro.

BiografiaO apresentador mais popular da TV.

Início na TV

Filho de imigrantes sírios, Bolinha começou a carreira como locutor esportivo, depois de fazer bicos como feirante, engraxate e balconista. Na TV Excelsior, Bolinha começou como o responsável pelos flashes esportivos do programa Últimas Notícias. A estréia como apresentador de programa de auditório aconteceu quase por acaso, em janeiro de 1967. Convocado a substituir o apresentador Chacrinha, que havia se desentendido com os diretores da emissora, Bolinha não apenas levou o programa adiante, como aumentou o seu Ibope.

Clube do Bolinha

Édson Cury ficou conhecido mesmo com o Clube do Bolinha, programa que ficou no ar por 20 anos na TV Bandeirantes, (1974-1994) alcançou oito pontos no Ibope e era um dos líderes de audiência da emissora. Uma marca registrada do programa eram as bailarinas, chamadas carinhosamente de "boletes", e o quadro "Eles e Elas", onde transformistas e travestis se apresentavam. Vários artistas como Alan & Aladim, Leandro & Leonardo e Arnaldo Antunes, mesmo depois de famosos, foram ao seu programa agradecer o apoio ao início de suas carreiras.
Seu elenco de boletes também era composto por ex-chacretes.
Lista de algumas Boletes: Zulu, Tania Bang Bang (Tania Bang Bang era secretaria pessoal e assistente de produção musical do Clube do Bolinha, e era casada com o cantor Antonio Luiz que tambem fazias as vezes de assessor nas viagens da Caravana do Bolinha), Edna Poncell, Delma, Inês, Valquíria, Norman, Raquel, Sonia Lírio, Sonia Rangel, Isná, Gracinha Japão, Eduarda, Carla, Audrey, Sandra Lee, Silvana, Míriam Bianchi, Rose Cleópatra, Ana Maria, Verônica, Leda Zepellin, Índia Amazonense, Laura, Julia, Gina Tropical, Neide, Sandra Janete, Olívia, Fábia, Lúcia, Vanderléia, Beth Balanço, Beth Gazeta, Beth Coqueiro, Iris, Renata, Solange, Marli Bang Bang, Iara.

Falecimento

O apresentador morreu às 2h30 do dia 1 de julho de 1998, aos 62 anos, vítima de câncer no aparelho digestivo. Estava internado no Hospital 9 de Julho, em São Paulo, para tratamento da doença, que havia sido descoberta três anos antes de sua morte. Nos seis meses antes de falecer, a doença do apresentador tinha-se agravado. Bolinha está sepultado no cemitério de Areia Branca, na sua cidade natal de Santos.

Os videos Mais Acessados do Youtube do Jornal Negritude

/my_videos

Vídeo
Exibições (% do total)
Atenção
Entrevista Coletiva André Luiz parte 16
13,6
Entrevista com Cris Pereira Ator
6,5
Desfile de Brigada Militar de Vacaria RS no dia 07 de Setembro 2010
4,9
Marta - Autoria de Paulo Furtado
3,4
Entrevista Goleiro do Glória Taffarel
2,8
Chorar por Amor
2,5
Eduardo e Mônica - cover do Legião Urbana
2,5
Entrevista Cristiano Taffarel Goleiro do Glória
2,3
Glória 1 x 0 Avenida Segundona Gaucha 2011 parte 3
2,1
Homenagem a Banda Lingerie
1,6

Vacaria Cidade que Mais Demitiu no Brasil

terça-feira, 21 de junho de 2011

Vacaria, na serra gaúcha, foi a cidade que mais demitiu no país em maio

Município registrou 1,7 mil vagas com carteira assinada a menos em relação ao mesmo período do ano passado
A cidade de Vacaria, na serra gaúcha, foi a que mais demitiu trabalhadores no mês de maio, conforme aponta levantamento divulgado pelo Ministério do Trabalho na segunda-feira. O município registrou 1,7 mil vagas com carteira assinada a menos em relação ao mesmo período do ano passado. Na lista negativa também aparecem Uruguaiana (-266), Santa Vitória do Palmar (-221), Dom Pedrito (-209), São Gabriel (-199) e Novo Hamburgo (-180).

Na ponta de cima, Porto Alegre teve saldo de 3.157 postos de trabalho criados na comparação entre contratações e demissões. A capital do Rio Grande do Sul ficou na sexta posição, atrás de cidades como São Paulo (17.670), Rio de Janeiro (6.740) e Belo Horizonte (5.218).

Apesar dos números positivos em Porto Alegre, em relação a maio de 2010, o Estado contratou 53,17% a menos de empregos formais. Conforme o Ministério do Trabalho, foram criadas 4.454 vagas, contra 9.511 em 2010.

0 comentários: